Candidíase: conheça causas, sintomas, tipos e saiba como tratar

eCycle

Candidíase é muito comum e pode ter várias causas e sintomas

candidiase

A candidíase é uma infecção causada pela proliferação exagerada do fungo Candida, que existe naturalmente no corpo humano em pequenas quantidades e que auxilia na absorção de nutrientes e na digestão. Porém, quando a Candida se reproduz de modo descontrolado, os sintomas típicos da candidíase podem aparecer, especialmente em pessoas com o sistema imunológico fraco, que são mais sensíveis a alterações no organismo.

É por isso que um estilo de vida e uma alimentação saudáveis são as melhores barreiras para evitar a doença, que é super comum e pode atar qualquer pessoa. Estima-se que 75% das mulheres terão candidíase pelo menos uma vez na vida, mas o fungo também pode atacar os homens, ainda que a candidíase no homem em geral não apresente sintomas.

Existem cinco tipos de candidíase

Candidíase vaginal

Que causa coceira vaginal, corrimento branco em grumos (como nata de leite), mau cheiro, podendo também haver ardor e dor durante as relações sexuais.

Candidíase oral

Que também é chamada de sapinho - costuma afetar bebês e adultos com o sistema imune enfraquecido e é caracterizada por placas esbranquiçadas na boca, na língua, no céu da boca e na garganta, além de ardência na boca e dor ao engolir.

Candidíase no homem

Esse é um tipo de candidíase que em geral não tem sintomas, mas quando eles aparecem normalmente são coceira, manchas vermelhas no pênis, leve inchaço, ardor ao urinar, feridas esbranquiçadas na glande e dor durante as relações sexuais.

Candidíase na pele

Que provoca coceira e vermelhidão nas dobrinhas da pele de pessoas com o sistema imune enfraquecido.

Candidíase intestinal

Em que é possível observar pequenos resíduos esbranquiçados nas fezes que estavam na parede do intestino.

Outros sintomas

  • Intolerância e alergia a certos odores e perfumes;
  • Problemas digestivos, causando diarreia e constipação;
  • Problemas intestinais com glúten e lactose;
  • Úlceras em casos mais extremos;
  • Nervosismo e irritabilidade;
  • Ansiedade e perda de memória;
  • Sintomas similares ao da gripe.

Mas quais são as causas da candidíase?

Listamos alguns fatores que estão associados à proliferação descontrolada da Candida e que aumentam o risco de ter candidíase:

  • Relação sexual desprotegida com parceiro contaminado;
  • Gravidez e durante a menstruação;
  • Estresse;
  • Andar descalço ou partilhar luvas;
  • Quimioterapia;
  • Alta ingestão de açúcar;
  • Uso frequente de antibióticos, anticoncepcionais e corticoides;
  • Usar roupas apertadas e molhadas;
  • Traumas psicológicos e emocionais;
  • Fazer higiene íntima mais de duas vezes ao dia;
  • Usar absorvente por mais de 3 horas;
  • Diarreia;
  • Infecções virais;
  • Doenças como AIDS, HPV e lúpus, pois tornam o sistema imune mais fraco;
  • Beijar;
  • Ter uma má alimentação;
  • Dormir mal ou pouco;
  • Uso de drogas.

Como tratar

O tratamento normalmente é feito com o uso de remédios, pomadas ou solução, além de uma dieta adaptada, que deve ser orientada por ginecologista, dentista ou urologista, dependendo da região afetada, pois cada área recebe um tratamento diferente.

No caso da candidíase genital, é aconselhável evitar roupas íntimas que não sejam de algodão, lavar a região genital somente com água e sabonete neutro ou sabonete próprio para a região, dormir sem roupas íntimas, evitar absorventes internos, e evitar ter relações sexuais desprotegidas enquanto estiver em tratamento.

A candidíase oral pode ser tratada por meio do uso de remédios e é aconselhável escovar os dentes pelo menos três vezes ao dia e evitar alimentos ricos em gordura e açúcar.

A candidíase na pele é normalmente tratada com pomadas e aconselha-se não andar descalço em piscinas, saunas ou locais públicos; usar luvas para fazer limpeza; e manter as partes do corpo com dobras (pés, cotovelo, axilas, virilha) sempre secas.



Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail