Óleo essencial de gerânio: dez benefícios comprovados

eCycle

Entenda para que serve o óleo essencial de gerânio e confira o que os estudos científicos dizem a respeito

óleo essencial de gerânio
Imagem editada e redimensionada de Kelly Sikkema, está disponível no Unsplash

O óleo essencial de gerânio é produzido a partir da destilação a vapor das folhas da Pelargonium graveolens, uma espécie de planta nativa da África do Sul. Ele é usado na aromaterapia por suas propriedades antioxidantes, bactericidas, anti-inflamatórias, antissépticas e adstringentes.

1.Trata acne, dermatite e outras inflamatórias na pele

Uma revisão de estudos sobre o óleo essencial de gerânio concluiu que suas propriedades antissépticas e anti-inflamatórias o tornam um aliado no combate a acne, irritações, inflamações e infecções na pele, quando usado topicamente.

Um estudo descobriu que o óleo essencial de gerânio tem potencial para ser usado como um medicamento anti-inflamatório com poucos efeitos colaterais.

2. Faz bem para edema nas pernas

Um estudo concluiu que o óleo essencial de gerânio pode ser usado no tratamento para o inchaço nas pernas causado por edema (retenção de líquidos). Algumas evidências indicam que o óleo essencial de gerânio pode ser dissolvido em água morna e aplicado na região afetada.

3. Trata feridas nasais

Medicamentos utilizados no tratamento de câncer, assoar o nariz muitas vezes repetidamente e tempo seco são fatores que podem levar ao desenvolvimento de feridas na região nasal. Um estudo sugere que essas feridas, dor, secura e sangramento no nariz podem ser tratados com óleo essencial de gerânio.

4. Combate infecções bacterianas

O óleo essencial de gerânio pode combater infecções bacterianas. Uma estudo concluiu que ele é tão eficaz quanto a amoxicilina no combate a cepas bacterianas, como Staphylococcus aureus e Listeria monocytogenes, que são nocivas para a saúde.

5. Diminui a neuroinflamação

Certas doenças neurodegenerativas como a doença de Alzheimer, esclerose múltipla, doença de Parkinson e esclerose lateral amiotrófica (ELA) estão associadas a graus variados de neuroinflamação.

Um estudo descobriu que altas concentrações de citronelol, um componente do óleo essencial de gerânio, inibem a produção de óxido nítrico, reduzindo a inflamação e a morte celular no cérebro.

Segundo os pesquisadores, o óleo essencial de gerânio pode ter benefícios para pessoas com doenças neurodegenerativas que incluem neuroinflamação.

6. Ajuda a passar pela menopausa e perimenopausa

Um estudo descobriu que a aromaterapia com óleo essencial de gerânio é benéfica para menoupausa e perimenousa por estimular a produção de estrogênio.

7. Faz bem para o estresse, ansiedade e depressão

A aromaterapia está se tornando cada vez mais popular, mesmo em ambientes hospitalares. Um estudo feitos com mulheres em trabalho de parto descobriu que inalar óleo essencial de gerânio tem um efeito calmante, sendo capaz de reduzir a ansiedade associada ao trabalho de parto em primeiro estágio.

Outras evidências também sugerem que o óleo essencial de gerânio pode promover relaxamento e ser um aliado no combate à depressão. Um estudo analisou os efeitos calmantes e antidepressivos do óleo essencial de gerânio da espécie Pelargonium roseum e descobriu que ele é eficaz na redução do estresse.

8. Alivia a dor causada pelo vírus do herpes

O vírus do herpes pode levar a uma condição muito dolorosa que afeta as fibras nervosas e a pele que ao longo de um nervo.

Um estudo descobriu que a aplicação tópica de óleo essencial de gerânio reduziu significativamente a dor na neuralgia pós-herpética poucos minutos após a aplicação. Esses efeitos foram temporários e exigiram reaplicação conforme necessário.

9. Alergias

De acordo com um estudo, o teor de citronelol do óleo essencial de gerânio o torna potencialmente eficaz na redução de reações alérgicas. O uso tópico pode reduzir a coceira causada por reações alérgicas devido à ação anti-inflamatória.

9. Tratamento de feridas

Evidências sugerem que o óleo essencial de gerânio pode ser benéfico para impedir que pequenas feridas sangrem. Isso pode se dá pelo seu efeito de acelerar a coagulação e contração dos vasos sanguíneos. Suas propriedades antibacterianas e anti-sépticas também são benéficas para a cura.

10. É um aliado dos diabéticos

O óleo essencial de gerânio tem sido muito utilizado na Tunísia como um remédio popular para reduzir a hiperglicemia. Um estudo descobriu que a administração oral diária reduz significativamente os níveis de glicose. Os pesquisadores sugeriram que o óleo essencial de gerânio pode ser benéfico para aliviar o alto nível de açúcar no sangue em pessoas com diabetes, mas também indicaram que mais estudos são necessários.

Os seres humanos não devem consumir óleo essencial de gerânio. Pesquisas em humanos ainda são necessárias, mas a aromaterapia com uso de um difusor ou aplicada topicamente é eficaz.

Óleo de gerânio vs. óleo de gerânio rosa

O óleo essencial de gerânio e o óleo essencial de gerânio de rosa provêm de diferentes variedades das espécies de plantas Pelargonium graveolens. Eles têm composições e propriedades quase idênticas, tornando-as igualmente benéficas para a saúde. O óleo essencial de gerânio de rosa tem um aroma um pouco mais floral, semelhante ao das rosas.

Como usar o óleo essencial de gerânio

O óleo essencial de gerânio pode ser diluído em um óleo transportador (como o óleo de gergelim, óleo de coco, óleo de semente de uva, entre outros) e usado topicamente na pele. Você pode usá-lo como tratamento local para acne ou coceira na pele ou como óleo de massagem.

Alguns óleos transportadores podem causar uma reação alérgica quando aplicados à pele. Antes de usar, faça um teste em uma área pequena para garantir que não cause reação.

Ao diluir o óleo essencial de gerânio em um óleo transportador, é importante seguir estas diretrizes de diluição: Para adultos, comece misturando 15 gotas de óleo essencial em seis colheres de chá de óleo transportador. Isso equivale a uma diluição de 2,5%. Para crianças, três a seis gotas de óleo essencial de gerânio em seis colheres de chá de óleo transportador é uma quantidade segura.

Como tratamento de aromaterapia, você pode aplicar óleo essencial de gerânio em toalhas de papel ou em tecidos que não se importe de manchar. Você também pode colocá-lo em um difusor de ambiente, para perfumar um grande espaço. Também existem difusores de uso pessoal, como pingentes que você pode encher de óleo e inspirar em movimento.

Os óleos essenciais nunca devem ser ingeridos.

Efeitos colaterais do óleo essencial de gerânio

Quando usado corretamente, o óleo essencial de gerânio é considerado seguro para a maioria das pessoas. Algumas pessoas podem apresentar erupção cutânea ou sensação de queimação ao usá-lo na pele. Nunca use óleo essencial direto na pele, a menos que seja diluído com um óleo transportador.

Onde posso comprar óleo essencial de gerânio

Você pode comprar óleo essencial de gerânio em lojas on-line, como a do Portal eCycle, ou em lojas físicas.

Como fazer óleo de gerânio em casa

Se você tiver várias semanas de sobra, poderá fabricar óleo essencial de gerânio em casa:
  1. Corte cerca de 340 gramas de gerânio;
  2. Encha uma jarra de vidro pequena e clara até a metade com óleo de oliva ou gergelim e submerja as folhas, cobrindo-as completamente;
  3. Sele o pote firmemente e coloque-o em uma janela ensolarada por uma semana;
  4. Coe o óleo com uma gaze em um frasco de vidro diferente. Se possível, composte as folhas;
  5. Adicione um suprimento adicional de folhas frescas de gerânio ao óleo;
  6. Feche o frasco novo e deixe-o novamente em uma janela ensolarada por uma semana;
  7. Continue essas etapas a cada semana por mais três semanas (total de cinco semanas);
  8. Despeje o óleo essencial em uma garrafa que possa ser mantida bem fechada. Mantenha em local fresco e seco e use dentro do período de um ano.

Alternativas ao óleo essencial de gerânio

Existem muitos óleos essenciais que contêm benefícios à saúde que você pode experimentar, com base na condição específica que deseja tratar. Eles incluem:
  • Lavanda para depressão, ansiedade, acne e irritação da pele;
  • Camomila para dores musculares, dor e inchaço;
  • Hortelã-pimenta ou sálvia para aliviar os sintomas da menopausa.

Adaptado de Corey Whelan

Veja também:

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail