Comida na mesa sem desperdício

Confira algumas dicas para evitar desperdício na hora de se alimentar

Na hora de comprar alimentos, cozinhá-los e consumi-los também podemos tomar pequenas medidas que evitam desperdício de água, gás, combustível e comida.

Antes de sair para o supermercado, planeje o cardápio da semana. Desse modo, você compra apenas o suficiente, sem deixar que nada se estrague desnecessariamente.  Dê preferência ao consumo de frutas e legumes da estação. Além de serem mais baratos, indiretamente você também economiza em combustível, diminuindo a emissão de poluentes na atmosfera por conta das distâncias mais longas que produtos fora de época usualmente requerem em seu transporte.

O mesmo ocorre ao consumir produtos feitos em sua região, pois os gastos com transporte e manipulação de alimentos também são reduzidos. E se esse alimento for um legume e tiver sido comprado a granel, não se preocupe com sua limpeza. Uma batata com um pouco de terra, por exemplo, dura bem mais e pode ser facilmente lavada na hora de seu preparo. No entanto, ao fazer compras, não toque nos alimentos que não for levar. A manipulação de frutas e legumes diminui sua vida útil.

Não coloque no seu prato mais do que vai comer. O desperdício de alimentos também gera desperdício de água (cerca de 70% da água disponível é gasta nas lavouras) e poluição da atmosfera (devido ao combustível gasto com transporte e ao CO2 liberado em sua decomposição sem o aproveitamento).

Se algumas partes de legumes estragarem, não desperdice. Corte o que não serve e utilize os restos para fazer uma seleta, um ótimo acompanhamento para pratos assados. O mesmo acontece com o feijão, que pode se transformar em uma deliciosa sopa. Arroz, cenouras e carne podem virar bolinhos e as frutas se tornam compotas, geleias e recheios de tortas e bolos. Também é possível compostar certos alimentos que sobrarem.

Gás, óleo e energia

Para evitar o desperdício de gás, retire os congelados do freezer com antecedência. Eles descongelarão naturalmente facilitando na hora de cozinhar. O óleo utilizado para frituras pode causar entupimentos e dificultar o tratamento do esgoto se jogado em ralos ou pias. Para descartá-lo, a eCycle lhe ajuda: guarde em um pote fechado e descarte em postos especializados no recolhimento deste tipo de material. Não guarde comida ainda quente na geladeira, pois força o funcionamento mais potente e gasta muito mais energia para resfriar seu interior.

Antes de ir viajar, esvazie o freezer e a geladeira e desplugue-os da tomada. Não é necessário resfriar alimentos se ninguém vai consumir.

Em estações mais frias do ano, ajuste o termostato de sua geladeira para não resfriar demais os alimentos e economizar energia. Gás de cozinha também pode ser poupado com atitudes como abaixar a chama do fogão quando a água ferver, usar apenas a quantidade de água necessária e colocar alimentos duros de molho antes de cozinhar.

Branqueamento

O processo de branqueamento de verduras faz com que os alimentos durem cerca de seis meses. Basta colocá-los em água fervente, esperar que ela volte a ferver e então mergulhá-los na água fria. Deste modo, as enzimas que atuam sobre eles ficam inativas, prolongando sua vida útil.

Retorne ao menu Consuma Consciência


 

Comentários  

 
-1 #1 2013-07-24 17:05
Ótima matéria! Parabéns! Acredito que o prato de plástico (imagem) poderia ser substituído por um prato convencional.
Abraço
Elizete
Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Onde descartar os meus resíduos?

Encontre os postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização Não sei meu cep?