Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

A vitamina C é uma vitamina essencial que deve ser ingerida por meio dos alimentos

A vitamina C, também chamada de ácido ascórbico, é uma vitamina que não pode ser produzida pelo organismo. Isso a caracteriza como uma vitamina essencial. Ela é muito encontrada em alimentos como frutas e legumes, incluindo a laranja, limão, morango, kiwi, pimentão, brócolis, couve e espinafre. Também é possível ingeri-la por meio de suplementação.

A ingestão diária recomendada de vitamina C é de 75 mg para mulheres e 90 mg para homens. Confira sete benefícios cientificamente comprovados da vitamina C no organismo:

1. Poderosos antioxidante

A vitamina C é um poderoso antioxidante que ajuda a manter a imunidade em dia (1). Isso significa que ela é ótima para combater doenças crônicas e a inflamação.

Estudos mostram que consumir mais vitamina C pode aumentar os níveis de antioxidantes no sangue em até 30% (4, 5).

2.Combate a pressão alta

A hipertensão arterial aumenta o risco de doença cardíaca, que é a principal causa de morte no mundo (6).

Um estudo realizado com animais descobriu que tomar um suplemento de vitamina C ajudou a relaxar os vasos sanguíneos que transportam o sangue do coração. Isso resultou na redução dos níveis de pressão arterial.

Além disso, uma análise de 29 estudos em humanos descobriu que tomar um suplemento de vitamina C reduziu – em média – a pressão arterial sistólica (valor superior) em 3,84 mmHg. Além disso, a pressão arterial diastólica (valor mais baixo) diminuiu para 1,48 mmHg em adultos saudáveis.

Em adultos com pressão arterial elevada, a suplementação de vitamina C reduziu a pressão arterial sistólica em 4,85 mmHg. Já a pressão arterial diastólica caiu para 1,67 mmHg, em média (7).

Mas se você está pensando em tomar vitamina C para baixar a pressão, procure ajuda médica para auxiliar sua decisão.

3. Diminui o risco de doença cardíaca

A doença cardíaca é a causa número um de morte no mundo.

Muitos fatores aumentam o risco de doença cardíaca. Entre eles estão pressão alta, altos níveis de colesterol LDL “ruim”, baixos níveis de colesterol HDL “bom” e níveis de triglicérides.

A vitamina C por sua vez, pode ajudar a reduzir esses fatores de risco, e, consequentemente, o risco de doenças cardíacas.

Uma análise de nove estudos com um total de 293.172 participantes descobriu que, após dez anos, pessoas que tomaram pelo menos 700 mg de vitamina C diariamente tiveram um risco 25% menor de doença cardíaca do que aquelas que não tomaram um suplemento de vitamina C.

Outra análise de 15 estudos descobriu que consumir a vitamina C presente nos alimentos estava ligado a um menor risco de doença cardíaca.

No entanto, os cientistas não tinham certeza se as pessoas que consumiam alimentos ricos em vitamina C também seguiam um estilo de vida mais saudável do que as pessoas que tomavam suplementos. Assim, ainda não está claro se as diferenças foram devidas à vitamina C ou a outros aspectos da dieta.

Outra análise de 13 estudos analisou o impacto de tomar pelo menos 500 mg / dia de vitamina C em indicadores de risco para doenças cardíacas, como níveis de colesterol e triglicerídeos no sangue. A pesquisa constatou que tomar um suplemento de vitamina C reduziu significativamente o colesterol LDL “ruim” em aproximadamente 7,9 mg/dl e os triglicerídeos no sangue em 20,1 mg/dl.

Em resumo, parece que tomar ou consumir pelo menos 500 mg de vitamina C por dia pode reduzir o risco de doença cardíaca. No entanto, se você já possui uma dieta rica em vitamina C, os suplementos podem não fornecer benefícios adicionais à saúde cardíaca.

4. Reduz o ácido úrico e previne a gota

A gota é uma forma de artrite caracterizada por dor intensa, vermelhidão e sensibilidade nas articulações causada por excesso de ácido úrico.

Vários estudos mostraram que a vitamina C pode ajudar a reduzir o ácido úrico no sangue e, como resultado, proteger contra ataques de gota.

Um estudo com 1.387 homens descobriu que aqueles que consumiam mais vitamina C tinham níveis sanguíneos significativamente mais baixos de ácido úrico do que aqueles que consumiam menos.

Outro estudo acompanhou 46.994 homens saudáveis ​​durante 20 anos para ver se a ingestão de vitamina C estava ligada ao desenvolvimento de gota. A descoberta foi que aqueles que tomaram suplementos de vitamina C tiveram um risco de 44% menor de desenvolver a doença.

Além disso, uma análise de 13 estudos clínicos descobriu que tomar um suplemento de vitamina C durante 30 dias reduziu significativamente o ácido úrico no sangue, em comparação com um placebo.

5. Previne a anemia

O ferro é um nutriente importante que tem uma variedade de funções no corpo. É essencial para produzir glóbulos vermelhos e transportar oxigênio por todo o corpo.

Os suplementos de vitamina C podem ajudar a melhorar a absorção de ferro da dieta, prevenindo a anemia (8). Um estudo mostrou que o consumo de 100 mg de vitamina C pode melhorar a absorção de ferro em 67%.

Um estudo realizado com 65 crianças com anemia por deficiência de ferro concluiu que a suplementação de vitamina C ajudou a controlar a anemia.

Se você sofre de baixos níveis de ferro, consumir mais alimentos ricos em vitamina C ou tomar um suplemento de vitamina C pode ajudar a melhorar seus níveis de ferro no sangue.

6. Aumenta a imunidade

Uma das principais razões pelas quais as pessoas tomam suplementos de vitamina C é aumentar sua imunidade.

A vitamina C está envolvida em muitas partes do sistema imunológico. Ela ajuda a estimular a produção de glóbulos brancos, conhecidos como linfócitos e fagócitos, que ajudam a proteger o organismo contra infecções (10).

Ela ainda ajuda as células brancas do sangue a funcionar de modo mais eficaz. Isso porque as protege de danos causados ​​por moléculas potencialmente nocivas, como os radicais livres.

7. Melhora a saúde da pele e acelera a cicatrização

A vitamina C é uma parte essencial do sistema de defesa da pele. Ela atua como um antioxidante que ajuda a fortalecer as barreiras da pele e prevenir o envelhecimento precoce (11).

Estudos também mostraram que tomar vitamina C pode reduzir o tempo de cicatrização das feridas (12, 13). Um experimento apontou que o consumo de 95 mg de vitamina C diariamente pode melhorar o processo de cicatrização.

Além desses benefícios, outro fato que mostra como a vitamina C é importante é a correlação que há entre baixos níveis de vitamina C e doenças. Pessoas que sofrem de pneumonia, por exemplo, tendem a ter níveis mais baixos de vitamina C. Em contraposição, s suplementos de vitamina C têm mostrado encurtar o tempo de recuperação (14, 15).