Homem tem TPM?

eCycle

Homem possui variações hormonais que causam sintomas semelhantes aos da TPM na mulher

homem tem tpm
Imagem de Ben White disponível no Unsplash

Homem tem TPM? Essa é uma pergunta muito frequente. Mas, apesar de ser impossível um homem ter TPM (Síndrome Pré-menstrual), no sentido literal da sigla - até porque eles não têm útero -, os homens possuem variações hormonais que causam sintomas semelhantes aos da TPM nas mulheres.

Todos os dias, os níveis de testosterona de um homem aumentam de manhã e caem à noite - os indicadores também podem sofrer variação de um dia para outro. Essas flutuações hormonais podem causar sintomas como depressão, fadiga e alterações de humor.

Mas essas oscilações hormonais mensais são regulares o suficiente para serem chamadas de “TPM masculina”? De acordo com o psicoterapeuta Jed Diamond, sim, pois o homem possui o que ele batizou de "Síndrome do Homem Irritável (SHI)", caracterizada por ciclos hormonais como os das mulheres.

Em contrapartida, a terapeuta sexual Janet Brito afirma que as alterações hormonais no homem não podem ser comparadas às da mulher, que preparam o corpo feminino para uma possível concepção. No entanto, ela confirma que os níveis de testosterona no homem podem variar, e alguns fatores podem influenciar essas alterações, gerando sintomas que podem compartilhar semelhanças com os sintomas da TPM.

O que causa a TPM masculina?

A TPM no homem, ou melhor dizendo, a Síndrome do Homem Irritável (SHI), é o resultado de uma oscilação de testosterona, que costuma acontecer em casos como:

  • Idade (os níveis de testosterona do homem começam a diminuir a partir dos 30 anos)
  • Estresse
  • Mudanças na dieta ou peso
  • Doença
  • Privação de sono
  • Distúrbios alimentares

Esses fatores também podem afetar o bem-estar psicológico do homem.

Quais são os sintomas da síndrome do homem irritável?

Os sintomas da SHI imitam alguns dos sintomas que as mulheres experimentam durante a TPM. No entanto, a TPM no homem não segue nenhum padrão fisiológico (como ocorre com a TPM feminina, que segue seu ciclo reprodutivo), já que não existe nenhuma base hormonal para a SHI. Isso significa que esses sintomas podem não ocorrer regularmente e pode não haver um padrão entre eles.

Os sintomas da SHI são vagos, mas costumam ser:
  • Fadiga;
  • Confusão ou nebulosidade mental;
  • Depressão;
  • Raiva;
  • Baixa autoestima;
  • Baixa libido;
  • Ansiedade;
  • Hipersensibilidade.
Se você está enfrentando esses sintomas, provavelmente há algo mais acontecendo. Alguns destes sintomas podem ser o resultado da deficiência de testosterona. Apesar desses níveis flutuarem naturalmente, níveis muito baixos podem causar problemas, incluindo:
  • Baixa libido;
  • Problemas de comportamento e humor;
  • Depressão.

Se esses sintomas persistirem, procure ajuda médica. Essa é uma condição diagnosticável e pode ser tratada.

Da mesma forma, homens de meia-idade podem apresentar esses sintomas quando seus níveis naturais de testosterona começam a cair. Essa condição, chamada de andropausa, é por vezes referida como menopausa masculina.

Mudanças no estilo de vida podem ajudar

A TPM no homem não é um diagnóstico médico reconhecido, por isso o “tratamento” visa:

  • Gerenciar sintomas;
  • Adaptar-se às emoções e mudanças de humor quando elas ocorrem;
  • Encontrar maneiras de aliviar o estresse.

Fazer exercícios físicos, manter uma dieta saudável, encontrar maneiras de aliviar o estresse e evitar álcool e fumo são hábitos que podem ajudar a impedir que sintomas da TPM masculina apareçam.

No entanto, se você acredita que seus sintomas podem ser resultado de baixa testosterona, consulte seu médico. A reposição de testosterona pode ser uma opção para alguns homens com níveis baixos de hormônio, apesar de trazer riscos.

Se o seu médico suspeitar de outra causa subjacente, ele pode agendar testes e procedimentos para ajudar a descartar outros diagnósticos.

Mudanças de humor persistentes não são normais

Dias ruins que atrapalham sua rotina são diferentes de um quadro de depressão. Sintomas emocionais ou físicos persistentes são uma possível indicação de que você deve consultar seu médico.


Fonte: Healthline

Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail