Argila branca: muito usada em tratamentos estéticos

A argila branca é considerada a mais suave e muita usada na remoção de manchas na pele devido ao seu efeito clareador e cicatrizante

Uma argila extremamente suave, a argila branca é ideal para máscara e serve para purificar e tonificar a pele

A argila branca é originária de rochas sedimentares sílico-alumínicas e rica em diversos compostos minerais, mas principalmente em alumínio, sílica e caulinita, que são responsáveis por suas propriedades. Outro tipo de argila que se destaca são as argilas amazônicas, ricas em fito-ativos repletos de propriedades cosméticas, e uma delas é a argila branca da Amazônia. Formada nas ribanceiras dos rios após as inundações provocadas em época de chuva, é uma argila rica em ferro, alumínio, boro, potássio, cálcio e enxofre.

Todas as argilas são minerais que se formam a partir da degradação e decomposição da rocha devido a exposição ao vento, água, apodrecimento de vegetação e agentes químicos ao longo dos anos, que causam alterações no mineral.

Os componentes presentes nelas conferem propriedades terapêuticas e são muito benéficos à saúde. Mas não é de hoje que o ser humano usufrui de suas qualidades. As argilas foram uma das primeiras formas de medicina natural conhecidas pelo homem - já foi utilizada por civilizações antigas como medicamento, principalmente para ferimentos, e de uns tempos pra cá, elas se tornaram uma excelente aliada nos tratamentos estéticos e medicinais. O uso da argila nesses tratamentos ficou conhecido como argiloterapia.

A qualidade, assim como as composições das argilas, depende muito da região em que são extraídas. Existem vários tipos de argila e cada uma é indicada para uma finalidade específica. Cada tipo apresenta uma composição de minerais diferentes e é essa composição de inúmeros componentes que confere às argilas diversas colorações, propriedades e aplicações. Por isso, torna-se muito importante conhecer sua composição antes de usá-la.

Aplicações

Mas afinal, para que serve argila branca?

Argila branca, também chamada de caulim, que contém um maior percentual de alumina, caulinita e sílica, possui um pH muito próximo ao da pele, por esta razão é a argila mais suave de todas. Promove ações de adsorver oleosidade sem desidratar a pele, suaviza, cicatriza e catalisa reações metabólicas do organismo. No rosto, pode ser usado no tratamento de manchas, pois possui efeito clareador - isso em peles sensíveis e delicadas, desidratadas, envelhecidas e acneicas. Seu uso é mais indicado para o rosto, pois em tratamentos corporais não dá bom resultado.

O manganês e o magnésio também estão presentes na sua composição, e esse fato torna a argila um ótimo anti-inflamatório, que pode ser aplicado nas peles acneicas. Pode ser utilizada por peles normais, mistas e oleosas.

A presença do silício tem ação purificante, adstringente e remineralizante, com efeito anti-séptico e cicatrizante que reduz as inflamações e tem um papel fundamental na reconstituição dos tecidos cutâneos, além de atuar contra a flacidez.

A argila branca da Amazônia é muito rica em sais minerais, uma vez que estes são trazidos pelas águas desde os Andes até a foz do rio Amazonas. Possui minerais que ajudam a eliminar toxinas da superfície da pele e do cabelo, proporcionando uma limpeza profunda nessas regiões.

O sódio, potássio e ferro mantêm a respiração celular e o equilíbrio dos elétrons nas células cutâneas, deixando a pele hidratada. O alumínio é antioxidante e ajuda a eliminar as toxinas da superfície da pele.

Esses componentes ativam a regeneração celular, combatem os radicais livres, canalizam energia positiva, dão elasticidade à pele, reduzindo o surgimento de rugas. A argila branca da Amazônia é indicada para máscaras faciais e capilares, cremes, loções e sabonetes corporais para produtos cosméticos destinados à regeneração e limpeza da pele e esfoliantes corporais.

As argilas também podem ser usadas nos cabelos. A branca é a mais suave de todas e pode ser utilizada em cabelos normais ou danificados. Ela estimula a oxigenação do bulbo capilar, auxilia no crescimento dos fios e regula a produção sebácea. Tem ação anti-resíduo, desintoxicante e bactericida.

Preparo

A argila pode ser utilizada para tratamentos estéticos. É encontrada na forma de pó, portanto, para aplicá-la misture com água pura, hidrolatos ou soro fisiológico. A argila contém nutrientes suficientes para ser utilizada sozinha, não sendo necessário misturá-la a cremes. Utilize sempre recipientes de vidro ou de plástico para fazer a pasta, pois os de metal podem interferir nos minerais contidos na argila.

Como usar

Aplique a pasta formada por toda face, exceto na região dos olhos e boca e deixe agir por 20 minutos antes de removê-la com água. A máscara pode ser feita a cada duas semanas. Produtos a base de argilas, como sabonetes, podem ser usados diariamente.

A máscara capilar deve ser aplicada nos cabelos úmidos, massageando o couro cabeludo lentamente e deixando agir por volta de 20 minutos. Não esfregue a pasta de argila nos fios pois o atrito poderá danificá-los. A pasta desliza naturalmente sobre os fios sem adição de força. Para melhores resultados você pode finalizar o tratamento com óleos vegetais, veja qual o mais adequado para a finalidade desejada e aplique após a remoção da argila.

Como as argilas são consideradas anti-resíduos, elas proporcionam uma limpeza profunda no couro cabeludo. Para cabelos que contêm químicas, como as dos processos de relaxamento e alisamento, a aplicação da argila deve ser feita dois meses após o procedimento químico, pois ela poderá remover certas substâncias que estão contidas nesse processo.

Podem também ser usadas como "pré-xampu" para aliviar a coceira do couro cabeludo. O tratamento com argila nos cabelos pode ressecar os fios quando feito em excesso - aplicar a cada 15 dias é o suficiente para nutrir os cabelos. Vale ressaltar que, para tais benefícios, a argila deve ser natural e pura, livre de substâncias nocivas à saúde.

Onde encontrar a argila branca

Veja os tipos de argilas, óleos vegetais e outros produtos 100% naturais na Loja eCycle. Por serem produtos puros e naturais, as argilas não degradam o meio ambiente.


 

Comentários  

 
+2 #1 2014-10-20 16:23
Olá,
será que a argila também ajuda a clarear manchas causadas pelo uso dos anticoncepciona is?
Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail