Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Ovoalbumina é uma proteína que faz parte da composição da clara do ovo e tem diversos benefícios à saúde, apesar de ser de origem animal

A ovoalbumina constitui cerca de 54% a 58% do peso da clara do ovo, sendo a primeira proteína isolada em forma pura. Ela é conhecida por suas propriedades anticâncer, anti-hipertensiva, antioxidante e imunomoduladora. 

Albumina

Para entender melhor o que é a ovoalbumina, é preciso saber o que são albuminas. De maneira simples, a albumina é uma proteína que tem em sua composição aminoácidos. Ela é a proteína mais abundante no sangue humano e também é conhecida por estar em grande quantidade na clara do ovo. O fígado humano também é responsável por sintetizar a albumina.

Existem três diferentes denominações de albumina:

Ovoalbumina: proteína da clara do ovo;

Lactoalbumina: proteína do leite;

Seroalbumina: proteína do plasma sanguíneo.

A albumina é uma proteína solúvel na água e que também pode ser solúvel em algumas soluções de sal, de forma moderada. Na composição da albumina estão presentes nove aminoácidos importantes para o organismo humano. Eles são:

  • Isoleucina;
  • Triptofano;
  • Histidina;
  • Metionina;
  • Fenilalanina;
  • Leucina;
  • Lisina;
  • Treonina;
  • Valina.

Ovoalbumina e nutrientes

Estudos mostraram que quando a ovoalbumina é desnaturada pelo calor, ela apresenta  uma alta atividade antimutagênica. Isso significa que ela inibe a frequência de mutações espontâneas ou induzidas, reduzindo o risco de câncer. Além disso, a ovoalbumina contém ovo quinina, um octapeptídeo anti-hipertensivo e vasorelaxante que estimula a produção de prostaciclina.

A prostaciclina é responsável por inibir a função plaquetária elevando os níveis de monofosfato. Assim, ela age como vasodilatador e participa ativamente de processos cardiovasculares e circulação renal. O que é essencial para a saúde cardiova

Na composição da ovoalbumina, foram encontrados novos peptídeos que têm alta atividade de redução de resistência vascular. Isso faz com que a ovoalbumina tenha propriedades que ajudam no tratamento de doenças como hipertensão. 

Uma questão importante é a ação bactericida da ovoalbumina. Seus peptídeos também tiveram atividade antibacteriana comprovada por pesquisadores. Fora essa característica, a ovoalbumina também tem funções antimicrobianas, imunoestimuladoras, antioxidantes e antifúngicas. 

Isso significa que a albumina também pode ser usada no tratamento de inflamações e infecções.A atividade imunomoduladora também o ajuda a provocar a morte de células tumorais como as de câncer.

Alérgeno 

A ovoalbumina também é um alérgeno muito comum para pessoas com alergia à clara de ovo. Quando uma pessoa com este tipo de alergia tem um contato prolongado com a ovoalbumina, ela pode desenvolver dermatite. 

Como substituir a ovoalbumina

A ovoalbumina é uma proteína derivada da clara do ovo, e sua produção envolve a utilização de animais. Por isso algumas pessoas, como as adeptas do veganismo, optam por não consumir ovo e seus derivados.

Os ovos, na maioria dos casos, são produzidos em granjas e grandes fazendas, que ainda usam de práticas nocivas aos animais. As galinhas que põem os ovos são mantidas em gaiolas, os pintinhos machos são moídos e o animal é totalmente confinado para a produção de seus ovos. 

Logo, apesar de suas propriedades benéficas ao organismo humano, alguns indivíduos escolhem não consumir a clara de ovo, e por consequência a ovoalbumina. Mas existe alguma forma de substituir essa proteína.

Cientistas da Universidade de Helsinki realizaram um experimento em um fungos da espécie Trichoderma reesei. Foram realizadas modificações genéticas nos fungos que fizeram com que eles conseguissem produzir a ovoalbumina. Essa pesquisa possibilita um futuro substituto para a ovoalbumina animal, que poderá ser consumida por indivíduos da comunidade vegana. 

No entanto, enquanto essa possibilidade se restringe apenas a estudos, existem outras opções de alimentos de base vegetal que contêm proteínas. Alguns exemplos de vegetais que podem ser substitutos da ovoalbumina são: