Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Confira as propriedades nutricionais da cereja e por que você deveria aumentar o consumo da fruta no seu dia a dia

A cereja (Prunus cerasus L. e Prunus avium L.) é uma fruta pequena, de cor vermelha, com polpa macia e suculenta. De sabor inigualável, estava entre as frutas favoritas dos antigos gregos e romanos. Os registros históricos sugerem que ela tenha chegado à América do Norte no século 17.

Com incríveis propriedades refrescantes, diuréticas e laxativas, a cereja possui ação anti-inflamatória e diversos nutrientes benéficos à saúde. Além de deliciosa, é muito versátil, podendo ser consumida in natura ou em conservas, compotas e sobremesas.

Diversos benefícios da cereja podem ser atribuídos à sua alta concentração de vitamina C, que desempenha um papel importante na absorção de ferro, formação de colágeno, suporte do sistema imunológico, saúde da pele e muitas outras funções do organismo. Mas a cereja é também fonte de fibras, potássio, cobre, vitamina K e manganês, além de conter poucas calorias.

Benefícios da cereja para a sua saúde

É rica em antioxidantes

A alta concentração de compostos vegetais na fruta pode ser responsável por muitos de seus benefícios à saúde. Embora a quantidade e o tipo possam variar dependendo da variedade, tanto a cereja doce como a azeda estão cheias de antioxidantes e compostos anti-inflamatórios.

O alto teor de antioxidantes ajuda a combater o estresse oxidativo, uma condição que está ligada a várias doenças crônicas e ao envelhecimento precoce. As cerejas são especialmente ricas em polifenóis, um grande grupo de substâncias químicas vegetais que ajudam a combater os danos celulares, reduzir a inflamação e promover a saúde geral, prevenindo doenças do coração, diabetes, Alzheimer, Parkinson e alguns tipos de câncer.

Auxilia na recuperação pós-atividade física

Pegou pesado no treino? A solução pode estar na cereja! Estudos mostram que os compostos anti-inflamatórios e antioxidantes nas cerejas podem ajudar a aliviar a dor, os danos e a inflamação musculares induzidos pelo exercício. Além disso, algumas evidências sugerem que o consumo da fruta é capaz de melhorar o desempenho nos treinos.

Protege o coração

Aumentar a ingestão de frutas ricas em nutrientes, como cerejas, pode ser uma maneira deliciosa de proteger o coração. Muitos estudos mostram que dietas ricas em frutas estão associadas a um risco reduzido de doenças cardíacas. As cerejas são frutos ricos em antioxidantes polifenóis e potássio, que promovem a saúde do coração.

Alivia sintomas de artrite e gota

Por seus potentes efeitos anti-inflamatórios, a fruta pode reduzir os sintomas de artrite e gota, um tipo de artrite causado pelo acúmulo de ácido úrico que pode causar inchaço, inflamação e dor nas articulações. Além disso, ela é capaz de diminuir os níveis de ácido úrico no corpo, o que é muito benéfico para quem sofre de gota.

Melhora a qualidade do sono

Comer cerejas ou beber suco de cereja pode ajudar a melhorar a qualidade do sono. Esses benefícios de promoção do sono podem ser atribuídos à alta concentração de compostos vegetais na fruta. Além disso, as cerejas contêm melatonina, uma substância que ajuda a regular o ciclo sono-vigília e previne a insônia.

Como consumir

Cereja
Imagem de Jocelyn Morales no Unsplash
  • In natura
  • Compotas e geleias doces
  • Com iogurte
  • Em uma salada de frutas
  • Sucos e smoothies
  • Em sorvetes, tortas e outras sobremesas
  • Em molhos