Dez dicas para evitar doenças do coração

eCycle

Dieta e exercício são coisas ótimas, mas não fique só nisso. Pequenas atitudes do dia a dia também ajudam a prevenir doenças do coração

Duas pessoas fazendo coração

Doenças do coração são as que mais matam no mundo todo. Aqui no Brasil, o topo do pódio também é delas; são mais de 330 mil mortes por ano, como se fosse uma morte a cada dois minutos por culpa de problemas relacionados ao coração. As principais doenças cardiovasculares são o infarto agudo do miocárdio, a doença vascular periférica, o acidente vascular cerebral e a morte súbita (causada por parada cardíaca).

Para especialistas, a culpa dessas estatísticas preocupantes são os maus hábitos na vida das pessoas e fatores alheios à nossa vontade, mas que são, direta ou indiretamente, causados por nós e acabamos tendo responsabilidade, como a poluição e as mudanças climáticas.

Mas nem tudo está perdido, além de cuidar da alimentação e de se exercitar bem, as coisas mais simples da vida (e também prazerosas) são grandes combatentes das doenças do coração. Veja só algumas maneiras inusitadas para melhorar a saúde do coração:

"Esse teu chamego"

Amigos na friendzone, tremei-vos. Porque pesquisas mostram que se aconchegar com um ente muito querido libera oxitocina, um hormônio antiestresse que ajuda a reduzir a pressão arterial.

Dê mais risadas

"Rir é o melhor remédio", já dizia o velho ditado. Não sei se remédio é lá a melhor definição, mas com certeza ajuda a reduzir a pressão arterial, já que rindo você aumenta o fluxo sanguíneo, graças a uma dilatação de 22% dos vasos sanguíneos.

Coma chocolate

Mas seja moderado - e dê preferência às versões com uma maior porcentagem de cacau. Não use isso como desculpa para se empanturrar, porque aí o efeito será totalmente inverso. O fato é que os grãos de cacau estão cheios de antioxidantes, nutrientes que aumentam as defesas do sistema imunológico.

Evite ou reduza a ingestão de carne

Estudos comprovam que o vegetarianismo reduz em 32% o risco de desenvolver doenças do coração. Mas não precisa se converter totalmente, faça isso pelo menos uma vez por semana. Há inclusive uma campanha (encabeçada pelo Beatle Paul McCartney) chamada Segunda Sem Carne, que vale a pena ser levada em consideração.

Cuide do seu bichinho

Quem tem animaizinhos em casa tem um risco menos de sofrer com doenças do coração do que quem não tem. Isso porque os donos de pets também tendem a praticar mais atividades físicas. Se você se animou com a ideia, primeiro faça uma escolha sábia, pondere sobre adotar um bichinho ao invés de comprar e saiba como melhor alimentar seu pet.

De pé..!

O sedentarismo é intrínseco às doenças do coração. Ficar sentado o dia todo no trabalho aumenta o risco dessas doenças. Há uma explicação mais completa desse assunto, mas em termos gerais: levante da cadeira de vez em quando, dê uma volta no escritório, faça alguns alongamentos ou dê uma caminhada pelo quarteirão de vez em quando. Isso ajuda MESMO. Uma dica é beber bastante água, isso vai te obrigar a levantar e dar uma andada pelo menos para ir ao banheiro - e você ainda aproveita os benefícios de uma boa hidratação.

..E durma!

Dormir bem é essencial para a saúde. Mas nem muito e nem muito pouco. Dormir muito aumenta os riscos de doenças cardiovasculares em 38% enquanto dormir pouco aumenta em 42%. O ideal é dormir entre sete e oito horas por noite, mas isso varia de acordo com cada organismo.

Cafeinado

Amantes de café, essa é pra vocês: o café pode ajudar a estabilizar o ritmo cardíaco de pessoas em que ele seja falho. É aconselhável tomar de uma a três xícaras por dia.

Deixe o trânsito

Os riscos de ataque do coração aumentam em 12% para cada 10 decibéis a que você é exposto no trânsito. Por isso, sempre que possível, evite os horários de pico e deixe o carro em casa.

Case-se?!

Pessoas casadas têm corações mais saudáveis. Para mulher, dez anos de casada ajuda numa redução de 13% os riscos de doenças do coração. Mas cuidado para não exagerar na gordura nos jantares românticos. E tem que ter amor nisso dai, viu?


Traduzido e adaptado de: MNN

Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail