Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Estudantes que receberem convite de participação e responderem questionário de pesquisa vão concorrer a um tablet doado pelo projeto Climate-U; projeto prevê também financiamento de atividades junto a comunidades vulneráveis

Uma parceria entre 12 universidades de quatro países, entre elas a USP, desenvolvem o Projeto Transforming Universities for a Changing Climate (Climate-U), iniciativa que pretende ao longo de três anos gerar contribuições para enfrentar os desafios das mudanças climáticas, por meio de processos de mitigação (abordando as origens desse fenômeno) e adaptação (respondendo a seus efeitos destrutivos). Para isso, o projeto trabalha no aprimoramento da capacidade das universidades em contribuir positivamente para suas sociedades através do fortalecimento de parcerias com comunidades vulneráveis.

O projeto, que teve início em fevereiro de 2020, avança agora com mais duas grandes ações. Na primeira delas, com o tema Mudanças Climáticas e a Universidade: Práticas, experiências e atitudes, será enviado um formulário de questões para preenchimento on-line dirigido a 1.000 alunos de graduação da USP do campus de São Paulo para avaliar o conhecimento deles em relação às mudanças climáticas.

Os estudantes serão selecionados de forma aleatória por um sistema, proporcionalmente à quantidade de estudantes matriculados em cada curso, e vão receber um link por e-mail com o questionário. Aqueles que responderem irão concorrer ao sorteio de um tablet Samsung Galaxy Tab A7, que será doado pelo projeto Climate-U no início do próximo semestre letivo.

“Acredito que a parceria entre a USP e as demais universidades integrantes do projeto Climate-U será muito importante e benéfica para a nossa Universidade, colocando-a em destaque e contribuindo para impulsionar a internacionalização e a comunicação entre as instituições de ensino e pesquisa e a sociedade”, afirma o professor Tercio Ambrizzi, coordenador do projeto na USP. Ambrizzi também é coordenador do Núcleo de Apoio à Pesquisa em Mudanças Climáticas (NapMC) e é superintendente de Gestão Ambiental da USP.

Uma segunda etapa do projeto prevê o desenvolvimento de iniciativas de pesquisa-ação participativa para promover aprendizado e transformação social relacionadas às mudanças climáticas. Será lançado um concurso para seleção de projetos que tenham como objetivo promover atividades que abordem questões relacionadas à justiça climática. O concurso deverá selecionar sete projetos, que receberão recursos financeiros de até 9 mil reais para fomentar as atividades propostas, que poderão envolver, por exemplo: um projeto de envolvimento da comunidade; um curso ministrado para estudantes; um plano de sustentabilidade institucional; ou um programa de conscientização pública. O edital será divulgado nos sites e mídias sociais do NapMC/Incline e da Superintendência de Gestão Ambiental (SGA).

Ambrizzi também destaca que o escopo do Climate-U está alinhado aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) e por isso ele se torna essencial frente às questões ambientais que nosso planeta enfrenta atualmente. “É importante que a USP se mantenha engajada e envolvida em projetos internacionais semelhantes ao Climate-U, que visam a promover ações colaborativas de ensino, pesquisa e extensão em torno de temáticas interdisciplinares e relevantes no contexto atual”, ressalta Ambrizzi.

O Projeto Climate-U tem participação de universidades do Brasil, Quênia, Moçambique e Fiji, com suporte financeiro do Economic and Social Research Council (ESRC), que faz parte da UK Research and Innovation (UKRI), importante instituição pública de fomento à pesquisa e inovação do Reino Unido. No Brasil, além da USP, mais duas universidades estão vinculadas ao Climate-U: a Universidade Federal do Pará (UFPA), com liderança do pesquisador Salomão Hage, e a Universidade de Passo Fundo (UPF), do Rio Grande do Sul, através da pesquisadora Luciana Brandli, que é também a líder nacional do projeto.

Confira o site oficial do projeto Climate-U em www.climate-uni.com, do NapMC/Incline em  www.incline.iag.usp.br e da SGA em www.sga.usp.br. Acompanhe também as redes sociais, clicando nos links:
Incline: Facebook | Twitter | Instagram | Youtube
SAG: Facebook | Instagram | Youtube

.

Com informações do projeto Climate-U