Por que usar o óleo de coco para fritar?

eCycle

Estudos concluíram que o óleo de coco é o que melhor serve para fritar, pois é estável ​​e não reage com o oxigênio quando aquecido

óleo de coco serve para fritar

A fritura não é o método de cozimento mais saudável de todos, especialmente quando feita em escala industrial. Mas fritar alimentos em casa, de vez em quando, não precisa ser algo prejudicial. Em grande parte depende do tipo de óleo usado. Por isso é essencial conhecer qual é o melhor óleo para fritura. Alguns estudos sugerem que o óleo de coco é o que melhor serve para fritar. Entenda:

Como funciona a fritura?

Fritar envolve submergir um alimento em óleo quente, à temperatura ideal de cerca de 176 a 190 ° C. Quando um alimento é submerso em um óleo que se encontra a essa temperatura, sua superfície cozinha quase instantaneamente e forma um tipo de "selo" que impede o óleo de penetrar.

Ao mesmo tempo, a umidade dentro da comida se transforma em vapor, cozinhando a comida por dentro. O vapor também ajuda a evitar a entrada do óleo no alimento.

Se a temperatura estiver muito baixa, o óleo penetrará deixando a comida gordurosa. Se a temperatura estiver muito alta, pode secar os alimentos e oxidar o óleo.

A estabilidade dos óleos de cozinha é essencial

Alguns óleos podem suportar temperaturas muito mais altas do que outros. Aqueles que têm um alto ponto de fumaça, são estáveis ​​e não reagem com o oxigênio quando aquecidos, são ideais.

Quanto mais saturadas as gorduras em um óleo, mais são estáveis ​​quando aquecidas. Por esse motivo, o óleo que é mais saturado e monoinsaturado é o melhor para fritura.

Mas é preciso evitar fazer fritura com óleo que contenha grandes quantidades de gorduras poli-insaturadas. Esse tipo de gordura é formado por duas (ou mais) ligações duplas em sua estrutura química. Essas ligações duplas tendem a reagir com o oxigênio e formam compostos prejudiciais quando expostas a altas temperaturas.

O óleo de coco é o que melhor serve para fritar

O óleo de coco é o que melhor serve para fritar. Estudos mostraram que, mesmo após oito horas de fritura contínua a 180 ° C, sua qualidade não se deteriora. Mais de 90% dos ácidos graxos do óleo de coco são saturados, o que o torna muito resistente ao calor.

As gorduras saturadas costumavam ser consideradas nocivas, mas estudos mostram que elas são uma fonte de energia completamente inofensiva para os seres humanos (confira aqui os estudos: 1, 2).

Além disso, o óleo de coco tem inúmeros benefícios para a saúde. Por exemplo, pode ajudar a matar bactérias e vírus prejudiciais e pode até ajudar a perder gordura da barriga (confira aqui estudos a respeito: 3, 4).

Tenha em mente que algumas variedades podem deixar um sabor ou cheiro de coco. Então, se você não deseja o sabor do coco, o ideal é adquirir um óleo de coco sem sabor (essa informação é encontrada no rótulo da embalagem).

Posicionamento da Abran ainda afirma que:

A Associação Brasileira de Nutrologia (Abran) recomenda que o óleo de coco não deve ser prescrito na prevenção ou no tratamento de doenças.
  1. Quando o óleo de coco é comparado a óleos vegetais menos ricos em ácido graxo saturado, ele aumenta o colesterol total.
  2. Estudos que concluem que o óleo de coco possui atividade antibacteriana, antifúngica, antiviral e imunomoduladora, são predominantemente experimentais, notadamente in vitro, não havendo estudos clínicos demonstrando esses efeitos.
  3. Até o momento, não existem evidências clínicas de que o óleo de coco possa proteger ou atenuar doenças neuro-degenerativas, como a doença de Alzheimer.
  4. Um número muito pequeno de estudos, com resultados controversos, tem relatado os efeitos do óleo de coco sobre o peso corporal em seres humanos.
Mas lembre-se: quando acabar o seu óleo de coco - caso não reutilize o pote de vidro - descarte a embalagem corretamente. Veja quais são os Postos de Coleta mais próximos de sua residência.


Fonte: Joe Leech

Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail