Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Como é uma estação de transição entre o inverno e o verão, a primavera no Brasil traz características das duas estações

A primavera é uma das quatro estações do ano, sendo conhecida como a estação das flores. Ela é considerada por muitos como a mais bonita das estações, e é associada às múltiplas cores que podem ser vistas na paisagem. A primavera sucede o inverno e antecede o verão, apresentando características de ambas as estações.

Equinócio

Equinócio é um fenômeno astronômico que caracteriza o momento em que nenhum dos polos da Terra está inclinado em relação ao Sol, que incide direta e uniformemente sobre a linha do Equador. Isso faz com que os dois Hemisférios recebam a mesma quantidade de radiação, possibilitando a existência de dias e noites com a mesma duração (12 horas). Vale ressaltar que a ocorrência do equinócio marca o início do outono e da primavera nos Hemisférios Norte e Sul.

Quando ocorre o equinócio?

O equinócio ocorre duas vezes ao ano, marcando o início do outono e da primavera. O outono inicia-se em 20 ou 21 de março no Hemisfério Sul e em 22 ou 23 de setembro no Hemisfério Norte. Por outro lado, a primavera tem início em 22 ou 23 de setembro no Hemisfério Norte e em 20 ou 21 de março no Hemisfério Sul.

Rotação e translação da Terra

A rotação refere-se ao movimento que a Terra faz em torno de seu próprio eixo em um ciclo de aproximadamente 24 horas. O movimento de translação, por sua vez, está associado ao movimento que a Terra faz ao redor do Sol, com duração de cerca de 365 dias. Os movimentos de rotação e translação estão relacionados, respectivamente, com a definição dos dias e das noites e a existência das estações do ano.

Em alguns momentos ao longo do movimento de translação, a Terra inclina-se em relação ao Sol, fazendo com que os raios solares incidam de maneira desigual nos Hemisférios Norte e Sul. Como resultado, surgem as estações do ano, marcadas pelos fenômenos astronômicos conhecidos como equinócios e solstícios.

Características da primavera

Como é uma estação de transição entre o inverno e o verão, a primavera no Brasil traz características das duas estações. Isso quer dizer que você pode sentir muito frio em um dia e, no dia seguinte, muito calor – ou, eventualmente, até experimentar ambas as sensações no mesmo dia! 

No entanto, são características da primavera o aumento da temperatura, a elevação da umidade e o crescimento da pluviosidade. Além disso, a flora sai de seu estado natural de dormência, passando para a fase de floração e, alguns animais saem de seu processo de hibernação, enquanto outros iniciam sua ação de polinização. Sendo assim, ocorre uma drástica mudança na paisagem, marcada pela intensificação da movimentação de animais e pela floração de diversas plantas.

Polinização

Polinização é o processo pelo qual as plantas com flores se reproduzem. Ela pode ser realizada por meio do vento ou de agentes polinizadores, como as abelhas e pássaros. Sem a polinização, os ecossistemas ficam em risco. Cientistas já alertaram a respeito do declínio de algumas espécies. 

A polinização é fundamental para que as flores continuem produzindo sementes e frutos. Por todo o mundo, centenas de plantas são cultivadas para servir de alimento, bebida e medicamentos para os seres humanos.

Em um estudo publicado na revista Nature, pesquisadores verificaram que cerca de 20 mil espécies de abelhas conhecidas polinizam mais de 90% das 107 principais culturas do mundo. Além disso, 75% da alimentação humana depende direta ou indiretamente da ação de animais polinizadores.

Mais que a alimentação humana, os agentes polinizadores colaboram com ecossistemas saudáveis que limpam o ar, estabilizam os solos, protegem contra o clima severo e sustentam outros animais selvagens. Sem o processo de polinização, muitas vidas – não só as das plantas – ficariam em risco.

Benefícios das flores

As flores apresentam diversos benefícios. Olhar para plantas e flores todos os dias pode fazer as pessoas se sentirem relaxadas e estimular pensamentos positivos. Existem algumas plantas que têm qualidades genuínas de indução à calma, enquanto outras são simplesmente agradáveis de se olhar.

Estudos comprovam que existe uma relação estreita entre natureza e saúde mental, e que o contato diário com plantas e flores pode reduzir sintomas de depressão, estresse e ansiedade. O perfume de certas flores também pode ajudá-lo a se sentir mais relaxado e feliz em geral. 

Principais flores da primavera

Entre as espécies de flores que florescem durante a primavera, estão: petúnia, brinco-de-princesa, surfinia, ciclame, gloriosa, bela-emília, congeia, madressilva e manacá-de-cheiro.

Polinização em declínio

Apesar de terem grande importância, muitas populações de polinizadores estão em declínio devido, principalmente, à perda de alimentação e habitat ideais. O uso indevido de produtos químicos, como agrotóxicos e pesticidas, a poluição e as mudanças climáticas também estão contribuindo para o declínio.

Nos Estados Unidos, por exemplo, segundo um estudo publicado na revista Proceedings of the Royal Society B: Biological Sciences, a produção de maçãs, cerejas e mirtilos está sendo reduzida por causa do declínio das populações de abelhas manejadas e selvagens, o que agrava a preocupação em relação à segurança alimentar.

Segundo uma revisão de estudos, em algumas regiões da Europa, 9% das espécies de abelhas podem desaparecer nas próximas décadas. É preciso repensar, então, as ações que afetam esses agentes de polinização.

A revisão de estudos sugere medidas como estímulo a sistemas agrícolas mais diversos, regulamentação melhor do comércio de polinizadores manejados e maior investimento na educação dos agricultores sobre o controle de pragas para reduzir a dependência de pesticidas.

Como você pode ajudar os polinizadores?

Iniciativas que buscam proteger os polinizadores apontam que, se proprietários de casas, governos locais, nacionais e indústrias fizessem um esforço, poderíamos mudar o futuro dos polinizadores e, consequentemente, dos ecossistemas por toda Terra.

No âmbito individual, hortas caseiras podem atrair polinizadores que, muitas vezes, são mais diversificados que nas áreas selvagens próximas. Para isso, também é importante selecionar a planta certa para o local certo, priorizando as que são nativas. Outra opção é instalar casas para morcegos e abelhas.

Além dessas ações, é preciso reduzir nosso impacto. Nesse caso, comprar alimentos orgânicos e favorecer a agricultura orgânica e local são boas opções. Adotar o consumo consciente e reduzir o consumo de produtos de origem animal como a carne, o leite e os ovos também impacta positivamente.