Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Feno-grego ajuda na lactação e no alívio de dores menstruais

Feno-grego é uma erva nativa do Mediterraneo e pertence à mesma família da soja, sendo encontrado no sul da Europa e na Ásia Ocidental. Suas folhas têm o mesmo cheiro e gosto de maple syrup, também conhecido como xarope de bordo no Brasil. Essa planta medicinal é muito usada na culinária e no tratamento de condições hormonais.

O uso de feno-grego também é feito na preparação de comidas apimentadas, trabalhando como um agente acentuador de sabor nos pratos, bebidas e tabaco. O extrato de feno-grego está presente na produção de sabão, cosméticos e suplementos alimentares para diabetes, cólicas menstruais e para o aumento do leite materno.

A planta do feno-grego tem o nome científico de Trigonella foenum-graecum. Com cerca de 60 a 90 centímetros de altura, o feno-grego tem folhas verdes, flores brancas e pequenas e vagens que contêm sementes pequenas de cores castanhas e douradas. Na medicina chinesa, esta planta medicinal serve como um medicamento para tratar problemas de pele.

Nutrientes 

O feno-grego é repleto de uma grande gama de nutrientes, todos eles ajudam para que a planta medicinal seja um forte antioxidante. Os principais nutrientes presentes no feno-grego são:

Benefícios

Aumento da produção de leite materno

Apesar de ser raro, existem mães que encontram certa dificuldade com a sua produção de leite materno. O que pode causar problemas de saúde não apenas para ela, mas para o bebê. O feno-grego é uma solução recomendada para pessoas com dificuldades de amamentar, pois estudos provam que seu consumo ajuda na produção de leite.

Estudos apontam que a melhor opção de ingerir a planta medicinal para esse fim é na forma de chá de feno-grego. No entanto, a utilização de cápsulas de suplemento acabam tendo o mesmo resultado que o chá. Antes de começar a usar o feno-grego como meio de aumentar o leite materno, consulte o médico ou médica que está acompanhando sua gravidez. 

Aumenta produção de testosterona 

O uso de feno-grego em homens é voltado para o aumento da testosterona. Assim, ele tem papel de tratar condições sexuais e aumentar a libido. Uma pesquisa realizada com 30 homens, que consumiram 600 miligramas de feno-grego, mostrou que os participantes tiveram um aumento na força do corpo e melhora na função sexual.  

Os estudos sobre feno-grego foram realizados em homens cisgêneros, o que significa que não se sabe muito a respeito sobre os efeitos de suplementos da planta em homens trans que tomam testosterona. Para saber se o feno-grego seria uma boa opção para tratamento hormonal, é preciso questionar o profissional responsável pela transição.

Ajuda no controle de diabetes e níveis de açúcar no sangue 

O consumo de feno-grego está diretamente ligado ao controle de diabetes tipo 1 e 2 , e dos níveis de açúcar no sangue. Pesquisas mostraram que pessoas com diabetes que ingerem o pó de feno-grego têm quantidades mais controladas de açúcar no sangue e uma redução significativa de colesterol ruim, LDL. 

Já em pessoas com nenhum quadro de diabetes ou colesterol alto, o uso de feno-grego em pó se mostrou útil na redução dos níveis de glicose no sangue. Esses fatores podem se explicar pelo aumento de insulina gerado pelo consumo de feno-grego, e pela quantidade de fibras presentes na composição da planta. 

Auxilia na perda de peso

Outro benefício importante do feno-grego é a redução do apetite e aumento da saciedade. Tudo isso junto é essencial para auxiliar na perda de peso. Afinal, a pessoa para de comer em excesso e pode trabalhar melhor sua rotina para perder peso. Graças às fibras do feno-grego, ele também proporciona saciedade. 

Reduz inflamações

O feno-grego tem uma quantidade significativa de antioxidantes, o que significa que ele tem potencial para trabalhar como um agente anti-inflamatório. Um estudo de 2012, realizado em ratos, mostrou que os flavonoides contidos na semente do feno-grego ajudam na redução de inflamações.  

Menor risco de condições cardíacas e de alta pressão sanguínea 

O feno-grego, por conseguir regular os níveis de colesterol ruim, também consegue melhorar a pressão sanguínea e reduzir os riscos de problemas do coração. Isso se deve à presença de fibra dietética, que  forma um gel viscoso no intestino e torna mais complexa a digestão de açúcares e gorduras. 

Alívio da dor

Uma grande quantidade de pesquisas mostrou que a presença alcalóides torna o feno-grego capaz de ajudar no alívio de dores. Isso porque essa substância consegue bloquear os receptores sensíveis de dor que existem no cérebro, assim aliviando os sintomas.

Estudos realizados em mulheres mostraram que o uso contínuo também fez com que as dores menstruais diminuíssem gradativamente ao longo dos meses. 

Como consumir

O feno-grego pode ser consumido na forma de chá, de suplementos e pó. A dosagem deve ser feita com cuidado, e de preferência, com acompanhamento médico. O uso exagerado de feno-grego tem efeitos colaterais que podem causar problemas de saúde.  

Uma dica importante para o uso de feno-grego é ingeri-lo com sua refeição mais rica em carboidrato do dia. Afinal, ele é conhecido por ajudar a reduzir os níveis de açúcar no sangue. 

Riscos

Ingerir feno-grego em excesso, ou quando se tem uma condição que não permite, pode gerar uma série de efeitos colaterais. Alguns deles são a diarreia, indigestão e produção exagerada de suor. Se você sofre de algum transtorno alimentar, ou está tentando ganhar peso, o uso de feno-grego não é recomendado pois ele pode diminuir o apetite.

Se você deseja  tomar suplementos de feno-grego junto do tratamento para diabetes, procure orientação médica, pois o feno-grego pode diminuir de maneira exagerada os níveis de açúcar no sangue.

Em estudos com animais, o consumo exacerbado de feno-grego causou condições como: danos ao DNA, redução de fertilidade, problemas neurológicos e grandes riscos de aborto espontâneo.