Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Clube Laguna SAF foi fundado em 2021 e vai competir na disputa estadual do Rio Grande do Norte

Fundado em 2021 pelo ex-jogador de futebol Gustavo Nabinger, o Clube Laguna SAF é o primeiro time de futebol completamente vegano do Brasil e segundo no mundo. Sedeado no Rio Grande do Norte, o clube participará da disputa estadual do estado ainda esse ano. De acordo com o site do time, o Clube Laguna vai além de “um time de futebol” — eles são uma startup de impacto socioambiental através do entretenimento. 

Nabinger sempre teve o sonho de montar um time de futebol e não come carne desde 2003. Frente à pandemia, ele conseguiu juntar suas duas paixões em uma só. 

Após ser conhecer a a estrutura de clubes de futebol, o ex-técnico do Sub-20 percebeu que seu sonho não estaria tão longe da realidade quanto o esperado. Embora a primeira ideia de Nabinger não tenha sido a de criar um clube vegano, e sim apenas um clube de futebol, ele logo percebeu que incluir o veganismo nesse outro estilo de vida seria inevitável. 

Ele diz, em entrevista ao zonaV (quadro da rádio 89FM), que não faria sentido criar um clube, e dentro dele, ter que fornecer produtos de origem animal aos seus jogadores. Pensando nisso, o Clube Laguna nasceu, o primeiro time de futebol inteiramente vegano do Brasil. 

Segundo no mundo, o Laguna segue a criação do Forest Green Rovers, da Inglaterra. O time foi fundado em 1889, mas virou um time vegano em 2015. Desde então, ele foi inteiramente dedicado ao veganismo e à sustentabilidade — contando com um estádio “verde”. Além da alimentação diferenciada, o time também conta com um estádio “verde” — alimentado por energia solar, com coleta de água da chuva e um gramado livre de pesticidas que é cortado por um cortador de grama também derivado da energia solar. 

Confira o vídeo (em inglês) sobre o time:

Assim como o Forest Green Rovers, a alimentação de todo o time do Clube Laguna é inteiramente à base de plantas. Mas não para por aí, a alimentação vegana é oferecida não só aos atletas, mas também a todos os colaboradores e associados ao clube. 

Embora seja apenas o começo para o Clube Laguna SAF, os primeiros passos do clube vegano já são promissores. De camisa lilás, o time competirá na segunda divisão estadual do Rio Grande do Norte e já conta com um fã-clube igualmente preocupado com o meio ambiente quanto a eles.