Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Dormir de lado e usar óleos essenciais são algumas das dicas para parar de roncar

Saber como parar de roncar pode ser uma forma de melhorar suas noites e a de quem dorme ao seu lado ou no mesmo quarto que você. Confira algumas dicas que podem ajudar em casos não graves. Casos mais graves, como apineia do sono, devem ser tratados com ajuda médica.

O ronco

O ronco acontece quando o ar flui pela garganta durante a respiração no momento do sono. Isso faz com que os tecidos relaxados da garganta vibrem e produzam ruídos irritantes. Mesmo que o ronco não esteja incomodando muito, não é uma condição a ser ignorada. Ele pode ser um sinal de uma condição grave de saúde, incluindo:

Em outros casos, o ronco pode ser causado simplesmente pelo fato da pessoa estar dormindo de costas ou ter consumido álcool muito perto do horário de dormir.

Dicas de como parar de roncar

Em alguns casos, é preciso procurar orientação médica para o tratamento do ronco. Casos mais leves podem ser resolvidos com algumas dicas:

1. Cuide do corpo

O excesso de peso pode ser uma das causas do ronco. Emagrecer ajudará a reduzir a quantidade de tecido na garganta que pode estar te fazendo roncar. Você pode fazer isso consultando um nutricionista. Mas, de maneira geral, reduzir a ingestão calórica, comendo porções menores e alimentos mais saudáveis pode ajudar. Sem deixar de lado a prática de exercícios físicos.

2. Durma de lado

Às vezes, dormir de costas faz com que a língua se mova para o fundo da garganta, o que bloqueia parcialmente o fluxo de ar da garganta. Dormir de lado pode ser tudo o que você precisa para permitir que o ar flua facilmente, evitando o ronco. Mas procure utilizar um travesseiro entre as pernas para manter a coluna ereta.

3. Levante a cabeceira da cama

Elevar a cabeceira da cama em 10 cm pode ajudar a reduzir o ronco mantendo as vias aéreas abertas.

4. Limite ou evite o álcool antes de dormir

Tente não consumir álcool por pelo menos duas horas antes da hora de dormir. O álcool pode relaxar os músculos da garganta, causando ronco.

5. Evite tomar sedativos antes de dormir

Se você ronca e toma sedativos, procure orientação médica para saber se existem outras opções. Interromper o uso de sedativo antes de dormir pode aliviar o seu ronco.

6. Pare de fumar

Fumar é um hábito não saudável que pode piorar o ronco. Procure orientação psicológica ou médica para superar o vício.

7. Durma o suficiente

Certifique-se de obter as sete a oito horas recomendadas de sono necessárias a cada noite.

8. Use óleos essenciais

Como parar de roncar
Imagem de monicore por Pixabay 

De acordo com especialistas da área de massagem, esfregar um pouco de óleo essencial de tomilho nos pés à noite pode ajudar a parar de roncar.

Outros estudos mostraram que o óleo essencial de eucalipto pode pode ajudar a diminuir o muco no sistema respiratório, incluindo os seios nasais e a garganta, sendo uma forma de melhorar a respiração e parar de roncar.

Use uma mistura de óleos essenciais

De acordo com estudos, uma mistura de óleos essenciais usada na forma de spray para garganta mostrou alguns resultados positivos. Esse spray para garganta específico é uma mistura de muitos dos óleos discutidos neste artigo, incluindo:

Como usar óleos essenciais para parar de roncar

Existem várias maneiras de usar óleos essenciais para parar de roncar, incluindo:

  • Aplicar em um difusor de ambiente
  • Adicionar em uma banheira
  • Acrescente duas gotas de óleo essencial em um copo de água e gargareje por 30 a 60 segundos
  • Adicione óleo essencial a um óleo carreador como óleo de coco ou azeite e massageie a pele
  • Acrescente algumas gotas de óleo essencial diluído em óleo carreador na parte inferior dos pés

Precauções

Os óleos essenciais devem sempre ser diluídos em um óleo transportador. A receita típica é de duas a cinco gotas de óleo essencial para uma colher de sopa de óleo carreador.

Leia sempre os rótulos dos óleos essenciais e siga as instruções. Mantenha os óleos essenciais longe dos seus olhos.

  • Alguns óleos essenciais são tóxicos. Nunca ingira-os.

Quando procurar orientação médica

Se você acredita que você ou seu parceiro têm apneia do sono, marque uma consulta médica. A apneia do sono é uma condição séria que pode aumentar o risco de pressão alta, doenças cardíacas e diabetes.