Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

A colônia é uma relação ecológica intraespecífica e harmônica

Na biologia, colônia é um tipo de cooperação intraespecífica em que indivíduos da mesma espécie vivem agrupados, interagindo de forma mutuamente vantajosa. Entre os componentes de uma colônia há sempre divisão de trabalho, cujo grau varia de acordo com a espécie. As caravelas-portuguesas podem ser citadas como exemplo.

Em uma colônia, os indivíduos encontram-se unidos anatomicamente, de modo que parecem ser um único ser. Os organismos trabalham de maneira cooperativa, proporcionando a sobrevivência de todos. 

O que são relações ecológicas?

Relações ecológicas são as interações que ocorrem entre os seres vivos dentro dos ecossistemas. Elas podem ser entre indivíduos da mesma espécie (intraespecífica) ou entre espécies diferentes (interespecíficas). Além disso, as relações ecológicas podem ser benéficas ou prejudiciais para as partes envolvidas.

Ecossistema

Ecossistema é um conceito holístico que agrega as comunidades biológicas e o ambiente físico onde ocorrem. A palavra foi empregada pela primeira vez pelo ecólogo inglês Sir Arthur G. Tansley em 1935. De modo geral, um ecossistema é constituído por um agrupamento de componentes abióticos e bióticos, presentes em um determinado local, que estão em interação por meio do fluxo de energia e da ciclagem de materiais. 

Como é difícil estipular os limites de um ecossistema, é indispensável adotar distinções para a compreensão e possibilidade de investigação científica. Assim, tem-se uma separação entre os meios aquáticos e terrestres. Dentre os ecossistemas terrestres, estão florestas, desertos, campos, savanas, entre outros. Já como exemplo de ecossistemas aquáticos, pode-se citar rios, mares, oceanos e lagos. 

Classificação das relações ecológicas

Como dito anteriormente, as relações ecológicas são interações que ocorrem entre os seres vivos. Elas podem ocorrer entre indivíduos de uma mesma espécie, sendo classificadas como relações intraespecíficas, ou de espécies diferentes, como relações interespecíficas.

Além dessa classificação, as relações ecológicas podem ser harmônicas ou desarmônicas. Relações harmônicas são aquelas que beneficiam os indivíduos envolvidos ou que não causam prejuízos para nenhum deles. Já relações desarmônicas são aquelas que causam prejuízos para pelo menos um dos indivíduos envolvidos. 

Sendo assim, as relações ecológicas podem ser interespecíficas harmônicas, interespecíficas desarmônicas, intraespecíficas harmônicas e intraespecíficas desarmônicas. Nesse caso, a colônia é uma relação ecológica intraespecífica e harmônica. Isso porque ocorre entre indivíduos da mesma espécie e beneficia todos eles. 

Diferença entre colônia e sociedade

Sociedades são grupos de organismos da mesma espécie em que os indivíduos apresentam algum grau de cooperação, comunicação e divisão de trabalho, conservando relativa independência e mobilidade. As últimas particularidades distinguem sociedade de colônia, na qual os indivíduos são fisicamente unidos. Exemplos de sociedades altamente organizadas são encontrados nos insetos sociais das ordens Hymenoptera (abelhas, formigas e vespas) e Isoptera (cupins).

Exemplo de colônia

Um dos exemplos mais conhecidos de colônia são os recifes de corais. Eles podem ser descritos como sendo estruturas rígidas formadas por organismos aquáticos que possuem esqueleto calcário, como os corais e as algas coralinas. Os recifes de corais apresentam grande biodiversidade e servem de abrigo e local de reprodução para várias espécies. Além disso, eles possuem uma farta disponibilidade de alimento para os animais que vivem nesse ambiente.

De acordo com o Ministério do Meio Ambiente, uma em cada quatro espécies marinhas vive nos recifes de corais, incluindo 65% das espécies de peixe. Apesar de toda sua importância, estima-se que aproximadamente 30% dos recifes de nosso planeta estejam muito danificados em virtude das atividades humanas.

Geralmente, esses locais servem de ponto turístico para a realização de mergulhos, apresentam espécies que podem ser utilizadas como alimento e fornecem matéria-prima para a indústria farmacêutica. Entre os fatores que destroem os recifes, destacam-se:

Importância das relações ecológicas

Colônia
Imagem de Biorock Indonesia no Unsplash

As relações ecológicas são necessárias e importantes para o equilíbrio das populações que interagem, tendo um efeito benéfico para a comunidade como um todo, independentemente se há prejuízo para alguma espécie ou população em particular.