Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Conheça os benefícios do treino funcional e exercícios simples para fazer em casa

Imagem de happyveganfit em Pixabay

O treino funcional, como o próprio nome sugere, tem um propósito que se traduz em uma atividade além do próprio treino. Esse propósito pode estar relacionado a melhorar as atividades cotidianas, como caminhar, agachar-se para pegar algo pesado, empurrar uma porta giratória ou preparar-se para competir em um esporte, como futebol, futebol ou tênis.

Um treino funcional é simplesmente aquele que o fortalece de uma forma particular que se traduz diretamente em uma atividade fora da sala de musculação. Para a maioria das pessoas, a aplicação prática do treino funcional é tornar as atividades diárias mais fáceis de se realizar.

Basicamente, ele consiste em exercícios compostos, como agachamentos, pranchas, flexão de braço e levantamento de peso. Além de melhorarem a coordenação motora, esses exercícios promovem a força muscular, a consciência corporal e o condicionamento físico, trabalhando diversos grupos musculares juntos.

Por isso, eles normalmente imitam os padrões de movimento do dia a dia melhor do que exercícios de isolamento. Pense nisso: com que frequência você simplesmente fica parado e levanta algo do nível da cintura apenas com os bíceps? Provavelmente raramente, ou nunca. Agora, com que frequência você se agacha para levantar algo do chão? Ou empurra uma porta? Ou dá um salto para levantar da cama?

Os exercícios funcionais melhoram a capacidade do seu corpo de trabalhar de forma eficiente como uma unidade. Ao treinar vários grupos musculares ao mesmo tempo, você está ajudando seu corpo a funcionar melhor como um todo, desde os membros inferiores até a frente do corpo e as pontas dos pés.

Mover o corpo de uma forma que recrute vários grupos musculares ao mesmo tempo requer um certo nível de coordenação, concentração e força central (é por isso que os movimentos compostos são tão bons para construir força e estabilidade central). Quanto mais você treina funcionalmente, melhor você se tornará em trabalhar todo o seu corpo como um sistema.

Treino funcional para fazer em casa

Agachamento com halteres

  1. Fique em pé com os pés separados na largura dos ombros, um haltere em cada mão com os braços apoiados nas laterais das pernas, as palmas voltadas para dentro.
  2. Flexione os joelhos e empurre os quadris para trás enquanto se agacha.
  3. Faça força com os calcanhares para baixo ao ficar de pé, apertando os glúteos na parte superior.
  4. Faça três séries de 10 repetições.

Flexão de braço

  1. Comece em uma prancha alta com as palmas das mãos espalmadas no chão, mãos na largura dos ombros, ombros diretamente acima dos pulsos, pernas estendidas para trás, centro e glúteos encaixados..
  2. Dobre os cotovelos e abaixe-se até o chão. Se necessário, apoie os joelhos no solo.
  3. Empurre as palmas das mãos para esticar os braços.
  4. Faça três séries de 10 repetições.

Salto com elevação de joelhos

  1. Fique em pé, com a coluna ereta.
  2. Faça saltos, elevando os joelhos alternadamente.
  3. Faça três séries de 30 segundos.

Agachamento

  1. Em pé, afaste as pernas e estique os braços para a frente, na largura dos quadris.
  2. Agache lentamente.
  3. Faça 3 séries de 10 repetições.

Ponte de glúteos

  1. Deite-se de costas com os joelhos dobrados e os pés apoiados no chão.
  2. Coloque os braços ao lado do corpo, com as palmas das mãos no chão.
  3. Inspire e comece a erguer os quadris em direção ao teto, empurrando as solas dos pés e envolvendo o centro, os glúteos e os tendões da coxa.
  4. Faça uma pausa na parte superior e, lentamente, volte ao início.
  5. Faça 3 séries de 20 repetições.

Fontes: Healthline e Self.com


Veja também: