Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Acolhimento deve ser agendado pelo portal; podem participar residentes do Estado de São Paulo com mais de 18 anos

O Programa Autoestima, lançado pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo em parceria com o Instituto de Psicologia (IP) da USP e outras instituições, iniciou etapa de atendimento on-line à população com 18 anos ou mais. O objetivo é ampliar o acesso à saúde mental e ressaltar a importância da área, especialmente devido os impactos causados pela pandemia.

O foco do projeto está na qualificação da formação de profissionais da Rede de Atenção Psicossocial do Sistema Único de Saúde (SUS), por meio de cursos e outras atividades. A nova fase prevê atendimento on–line à população em geral.

Para participar, é preciso ser residente do Estado de São Paulo e maior de idade. A plataforma de agendamento de consultas deve ser acessada pela internet. O participante deve se cadastrar neste link, clicar em “criar conta” e acessar o botão “cadastro”. Após preencher as informações, será possível agendar um horário de atendimento. As consultas serão realizadas com profissionais da saúde.

O Programa Autoestima é realizado pelas Secretarias de Estado da Saúde (SES), de Governo (SG), de Desenvolvimento Econômico (SDE), de Comunicação (SEC) e o Fundo Social do Governo do Estado de São Paulo, que viabilizaram as parcerias entre a Assessoria Técnica de Saúde Mental da SES, o Instituto de Psicologia da USP (IP-USP), a Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo (Prodesp) e Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo (Cosems/SP).

Confira também a live sobre o tema transmitida no YouTube, no Canal USP:


Fonte: Jornal USP

Veja também: