Biodiversidade preservada: 12 histórias de sucesso

eCycle

União Internacional para a Conservação da Natureza celebra o Dia Internacional da Biodiversidade com imagens de sucesso

Mauritius fody - Foudia rubra

22 de maio é o Dia Internacional da Biodiversidade. A data foi criada durante a Eco 92, no Rio de Janeiro, e passou a ser celebrada a partir de 1993. Todos os anos, o evento tem um tema, assim como acontece com o Dia da Água e o Dia da Terra. O tema este ano é justamente o aniversário da data: já são 25 anos de luta pela preservação da biodiversidade.

Para comemorar, a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN, na sigla em inglês), uma organização da sociedade civil dedicada ao tema, publicou 12 histórias de sucesso, contadas na forma de imagens. Confira!

Biodiversidade preservada

Leiopelma archeyi

sapo
Imagem: Phil Bishop/IUCN

Natural da Nova Zelândia, a população deste sapo, de nome científico Leiopelma archeyi, caiu mais de 80% entre 1996 e 2001 - e continua em um nível perigoso. A espécie tem sido protegida e a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN) agora considera sua população como estável. As medidas de regeneração da espécie incluem protocolos de higiene, gerenciamento de habitats, proteção contra mineração, deslocamentos e controle de predadores.

Falcão de Maurício

falcão
Imagem: Jacques de Speville/IUCN

Em 1974, o Falcão de Maurício (Falco punctatus) estava perto da extinção, com apenas quatro aves conhecidas, sendo apenas uma fêmea fértil. Os esforços para preservação incluíram reprodução em cativeiro, suplementação alimentar e controle de predadores. Atualmente, com uma população de cerca de 400 pássaros, a preservação é considerada um dos mais bem sucedidos projetos do tipo no mundo.

Morcego Rodrigues

morcego
Imagem: Jacques de Speville/IUCN

Essa espécie, de nome científico Pteropus rodricensis, costumava ser encontrada nas Ilhas Maurícia e Rodrigues, no oceano Índico, mas atualmente só existe na Ilha Rodrigues. Nos anos 1970, a população chegou a algo entre 70 e 100 morcegos, mas agora já está em cerca de 25 mil, em especial por conta de programas de reflorestamento e proteção.

Orangotango de Sumatra

orangotango
Imagem: Chester Zoo/IUCN

Os orangotangos estão entre as muitas espécies ameaçadas de extinção por conta de práticas insustentáveis de plantação do óleo de palma, que desmataram grandes áreas de floresta tropical. O Orangotango de Sumatra (Pongo abelii) está criticamente ameaçado, com apenas um terço de sua população vivendo em áreas protegidas. O Zoológico de Chester, no Reino Unido, está lutando para ampliar a proteção às florestas tropicais no sudeste asiático e prevenir a extinção dos orangotangos.

Hapalemur

Lêmure
Imagem: Russell A. Mittermeier/IUCN

O Hapalemur (Prolemur simus) só é encontrado em algumas áreas isoladas de floresta tropical em Madagascar. Considerado extinto, ele foi "redescoberto" em 1986 na região de Ranomafana. Ameaçado pela destruição de seu habitat e pela caça, essa espécie de lêmure tem sido protegida por diversas medidas. O trabalho junto a comunidades locais tem tido sucesso.

Eurynorhynchus pygmeus

Pássaro Rússia
Imagem: Mark Simpson/IUCN

Os pássaros da espécie, de nome científico Calidris pygmaea, retornam todo verão para Meinypil’gyno, no nordeste da Russia (foto), local que já foi considerado o único possível para reprodução das aves. A espécie chegou a ter apenas menos de 200 indivíduos em todo o mundo, por conta das migrações e de armadilhas para capturar pássaros. Foi implementado um programa de monitoramento e reprodução em cativeiro, que já criou e liberou mais de 100 aves.

Cedro-do-líbano

Cedro-do-líbano
Imagem: James Hardcastle/IUCN

O vulnerável Cedro-do-líbano (Cedrus libani) é um importante símbolo cultural, presente inclusive na bandeira do país (em sua versão adulta). As medidas de preservação incluem projetos de plantação e educação com relação às áreas protegidas. A foto acima foi tirada na reserva natural de Al-Shouf, que corresponde a um quarto das florestas remanescentes do cedro no Líbano. A reserva é parte de um programa da IUCN para encorajar a preservação.

Tartaruga verde

tartaruga verde
Imagem: James Hardcastle/IUCN

A tartaruga verde (Chelonia mydas) é protegida por diversos grupos e países. Na Austrália, um plano de recuperação trabalha para melhorar o status de conservação dessa espécie por meio de pesquisas e monitoramento via satélite.

Iguana azul

iguana azul
Imagem: Sophie O’Hehir/IUCN

O programa de recuperação da iguana azul começou em 1990, nas Ilhas Cayman, com menos de 12 indivíduos cativos. Atualmente já existem cerca de mil iguanas azuis vivendo em reservas naturais em Grand Cayman. Desde então, a iguana se tornou um símbolo nacional e em 2012 a espécie foi reclassificada de criticamente ameaçada para ameaçada.

Panda gigante

panda gigante
Imagem: Xinhua/REX/Shutterstock

Depois que foram descobertos, em 1869, os pandas gigantes (Ailuropoda melanoleuca) sofreram com a caça ilegal e com a perda de seu habitat natural. Um esforço de larga escala foi implementado para proteger os pandas e o bambu, sua principal fonte de alimento. O número de pandas já melhorou e a espécie atualmente passou de ameaçada para vulnerável.

Foudia rubra

pássaro vermelho
Imagem: Jacques de Speville/IUCN

A Foudia rubra, cujo nome científico é igual, é um pássaro cantor originário da Ilha Maurícia, que sofreu com a perda de habitat e predação de ninhos. A espécie chegou a ter menos de 200 indivíduos em 1993. Os esforços de preservação já aumentaram esse número para cerca de 300.

Lobo-etíope

lobo-etíope
Imagem: Tim Colston/IUCN

O lobo-etíope (Canis simensis) é o carnívoro mais ameaçado da África (e possivelmente do mundo). A espécie só existe na Etiópia e tem se beneficiado muito dos programas de preservação, que conservam o habitat e evitam a caça. Em anos recentes, algumas populações caíram cerca de 30% por conta de doenças espalhadas por cães domésticos, de modo que a preservação segue importante.



Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail