Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Vai dividir um lanche com seu bichinho? É melhor pensar duas vezes

Os animais estão cada vez mais próximos de nós e fazendo parte das nossas famílias, mas existem coisas que não podemos compartilhar com eles. Veja a seguir uma lista de alguns alimentos que fazem mal para animais,:

  • Cebola e alho: contêm tiossulfato, que deforma as células vermelhas do sangue e, assim, a oxigenação dos tecidos fica deficiente, podendo levar à falência de órgãos.
  • Dez benefícios do alho para a saúde
  • Chocolate: a teobromina, uma substância que vem do cacau, pode causar vômito, diarreia, agitação, tremores, irregularidade nos batimentos cardíacos e pode até levar à morte.
Chocolate
  • Uvas e passas: o motivo ainda não é conhecido, mas é fato que as uvas têm um grande potencial para causar insuficiência renal em animais de estimação.
  • Batata: a quantidade da substância solanina nas batatas é grande e pode causar letargia e irritação no trato digestivo.
  • Leite e derivados: o leite de vaca possui muito mais lactose do que o leite dos animais de estimação, podendo causar reações indesejadas, como uma diarreia severa. Nos mais velhinhos principalmente, porque depois da desmama, a enzima que digere a lactose é inativada. Apesar do que os desenhos animados indicam, muitos gatos são intolerantes à lactose e não podem tomar leite.
Vaca
  • Pão: um pouquinho de pão de vez em quando não faz mal, mas o excesso pode causar gases e desconforto, além de “encher a barriga” e fazer o animal perder o apetite para a refeição do dia.
  • Macadâmia: este tipo de castanha pode causar tremores e fazer o animal perder a sustentação das patas traseiras. Os outros tipos de castanha são seguros, mas em quantidades moderadas, porque têm muita gordura.
Macadâmia
  • Açúcar: já não faz bem para nós e é pior ainda para os animais, correndo o risco de contração diabetes, além de engordar.
  • Dieta vegetariana para gatos: os gatos são estritamente animais carnívoros, ou seja, dependem da ingestão de carne para sobreviver. Um gato que recebe alimentação apenas vegetariana pode perder a visão e desenvolver doenças nutricionais (veja mais aqui).
  • Temperos: a comida como preparamos normalmente é muito salgada para nossos animais de estimação, além de alguns condimentos serem prejudiciais para eles. Esses temperos podem causar um desequilíbrio eletrolítico, ou seja, um desbalanceamento no nível de sais minerais no organismo do animal, causando danos aos rins. Para poder dividir a comida caseira com os animais de estimação e para dar a eles as sobras da carne consumida em casa (como sugerido aqui), prepare a comida sem tempero e tempere somente no seu prato. Assim, quando quiser dar um pedaço para o animal, dê a parte que está sem tempero, para que não haja problemas. E nada de frituras para eles.

Atenção! Assim como a nossa alimentação, a dos animais também deve ser equilibrada (veja um exemplo). Qualquer alimento além da refeição regular é apenas um petisco, um agrado para dar de vez em quando.


Veja também: