O que é geobiologia?

eCycle

A geobiologia é uma ciência que estuda o impacto do ambiente para a saúde e o bem-estar

geobiologia
Imagem de Andres Iga está disponível no Unsplash

A geobiologia, baubiologia ou biologia da construção, estuda o impacto das construções sobre a saúde e o bem-estar humano. O termo tem origem na tradução latina da palavra alemã Baubiologie, em que 'bau" se refere à construção ou cuidado.

Apesar de não ser muito difundida na América do Sul, a geobiologia é reconhecida como uma ciência que surgiu na Alemanha após a Segunda Guerra Mundial, sendo levada para os demais países da Europa, América do Norte, Oceania e Ásia. Na tentativa de acomodar uma população em crescimento, novas moradias foram construídas apressadamente. Estudos feitos nessas moradias apontaram para um padrão de doenças atribuídas à pressa durante a construção, que não permitiu que os VOCs (compostos orgânicos voláteis) se dissipassem. Um de seus primeiros e maiores estudiosos foi o alemão Dr. Ernst Hartmann, médico do exército alemão e mais tarde cativo de um abrigo americano.

No Brasil, um dos principais percursores da geobiologia é Allan Lopes, formado na área e promovedor dos conceitos de habitação saudável.

Os seres humanos e a geobiologia

Outro foco é voltado para o ser humano. Nesse segmento, a geobiologia estuda os efeitos que as mudanças na estrutura e função do sistema natural terrestre possuem sobre o ser humano, e de que maneira a própria humanidade tem contribuído para essas mudanças. Os fatores mais comuns que afetam a saúde e o bem-estar humano considerados pela geobiologia são os campos eletromagnéticos, a presença de água subterrânea e de falhas tectônicas em regiões em que há construções utilizadas para moradia ou trabalho; e a poluição do ar de ambientes internos.

Estudos apontam uma correlação entre a presença de água subterrânea, falhas tectônicas e o surgimento de campos eletromagnéticos que impactam negativamente a saúde das pessoas que vivem acima do local onde ocorre esse conjunto de fenômenos. A presença de minerais na água produz campos eletromagnéticos, surgindo então as chamadas zonas de estresse ou de perturbação. Os efeitos à saúde envolvem interferências no funcionamento cerebral e na produção de melatonina, um hormônio importante para o bom funcionamento do sistema imunológico e responsável por controlar o nosso ritmo circadiano, período de um dia (24 horas) no qual se completam as atividades do ciclo biológico dos seres vivos.

A radiação não ionizante, que possui uma frequência muito baixa, é emitida por celulares, radares, rádios, TV digital, e outros aparelhos eletroeletrônicos. A energia dessa radiação provoca efeitos negativos à saúde humana, sendo absorvida pelos tecidos e aumentando o risco de câncer e de catarata nos olhos, principalmente se a exposição for por muitos anos.

Geobiologia na prática

A geobiologia utiliza as técnicas e princípios da radiestesia, atuando por meio da utilização de equipamentos para identificação dessas zonas de estresse. Procura também diminuir o excesso de equipamentos que emitem radiação eletromagnética nos locais de descanso, como os quartos. E nos outros cômodos da residência ou até mesmo de escritórios, a geobiologia tenta manter a radiação eletromagnética nos valores mínimos aceitáveis pela legislação de cada país - no caso do Brasil, eles são delimitados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Em outras palavras, é possível dizer que a geobiologia tenta harmonizar os ambientes internos, de tal modo que a área é conhecida, informalmente, como a "medicina do habitat". Existem, inclusive, muitos consultores de geobiologia que também são conhecedores de práticas orientais, como o feng shui.

No que diz que respeito à poluição de ambientes internos, a geobiologia atua nos momentos anteriores e posteriores ao planejamento da arquitetura e construção da edificação. Ela procura utilizar iluminação e ventilação naturais, materiais de construção menos poluentes, tanto durante o processo produtivo como depois de instalados na construção; produtos de limpeza naturais e materiais de acabamento sem produtos prejudiciais à saúde, como os anti-chamas. Essas aplicações da geobiologia envolvem os conceitos de construção sustentável, mas que vão além da preocupação com a própria construção e extrapolam os cuidados para o ser humano, prezando sempre pela saúde da espécie, qualidade de vida e saúde do ambiente ao entorno das pessoas, tratando assim das residências e locais de trabalho como parte de um sistema natural. Por isso é que se busca o mínimo de alterações ambientais e na saúde. O conceito de Building-Biology and Ecology traduz bem as aplicações da geobiologia no campo da habitação saudável.

Selo Casa Saudável

Coordenado pelo Healthy Building World Institute (Instituto Mundial de Construção Saudável), o selo Casa Saudável foi criado com o intuito de assegurar espaços saudáveis que proporcionem bem-estar para a sociedade. É o primeiro certificado mundial para construções, profissionais e produtos da construção que leva em consideração elementos de saúde e bem-estar. Para saber mais sobre o selo, confira a matéria "Selo Casa Saudável: a garantia de um ambiente com saúde para seu bem-estar".

O selo é uma boa maneira de se certificar que você não está exposto a um edifício doente. Sim, edifícios também podem ficar doentes e isso pode ser muito mais perigoso do que parece. A Síndrome do Edifício Doente, reconhecida pela Organização Mundial da Saúde em 1982, se refere à relação de causa e efeito das condições de um ambiente interno e a agressão à saúde dos ocupantes. Entenda mais sobre edifícios doentes na matéria: "Síndrome do edifício doente: quando o prédio em que você mora ou trabalha prejudica a saúde"

Confira um vídeo falando um pouco mais sobre a geobiologia.


Veja também:


 

Comentários  

 
0 #1 2015-04-17 14:37
Nossa... To encantado até agora com a matéria muito bom termos conhecimento desse nível!

Meu Perfil:
Adriano Santos
Trabalho com: Comunicação Visual
São Paulo - SP
Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail