Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Decisão vai economizar 250 milhões de euros do bolso dos consumidores e reduzir o descarte de lixo eletrônico

Na terça-feira (7), legisladores da União Europeia (EU) decidiram que celulares, tablets, laptops, e-readers, fones de ouvido, teclados, mouses de computador, dispositivos de navegação portáteis e câmeras da Apple vendidos na Europa até 2024 deverão ter carregadores no mesmo padrão que os carregadores Android (USB-C).

A decisão tem como objetivo facilitar a vida dos consumidores, poupar dinheiro e evitar a obsolescência programada, uma prática utilizada por fabricantes para forçar a compra de novos produtos e aumentar o consumismo, mesmo que os que você já tem estejam em perfeitas condições de funcionamento.

O chefe da indústria da UE, Thierry Breton, disse que o acordo economizará cerca de 250 milhões de euros do bolso dos consumidores. Esse cálculo foi feito sem incluir a redução da geração de lixo eletrônico e seus impactos socioambientais, que também geram gastos com saúde e danos ao meio ambiente não contabilizados.

Atualmente, os celulares da Apple, também chamados de iPhones, são vendidos com carregados do tipo Lightning, enquanto os dispositivos Android usam conectores USB-C. De acordo com um estudo da Comissão de 2019, metade dos carregadores vendidos com telefones celulares em 2018 tinham um conector USB micro-B, enquanto 29% tinham um conector USB-C e 21% um conector Lightning.

“No outono de 2024, o USB Type-C se tornará a porta de carregamento comum para todos os telefones celulares, tablets e câmeras na UE”, disse o Parlamento Europeu em comunicado.

De acordo com o jornal Euro News, os laptops terão que cumprir a legislação em até 40 meses após sua entrada em vigor. O executivo da UE terá o poder no futuro para harmonizar os sistemas de carregamento sem fio.

A decisão também afetará outras fabricantes como Samsung e Huawei, que possuem carregadores distintos para e-readers, fones de ouvido e outras tecnologias.