Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

A herbivoria é uma relação ecológica interespecífica e desarmônica

Herbivoria é a relação ecológica em que animais herbívoros se alimentam de partes vivas de plantas. Do ponto de vista individual, há prejuízos para as plantas e benefícios para os animais que se alimentam delas. Entretanto, essa relação é uma das mais importantes na natureza: é principalmente por meio da herbivoria que a energia captada da luz solar pelos produtores passa para os demais níveis tróficos das cadeias alimentares.

Para muitos ecólogos, a herbivoria pode ser considerada um tipo de predação. Com o objetivo de evitar os prejuízos causados pelos herbívoros, as plantas desenvolveram mecanismos de defesa contra eles, como a produção de toxinas, repelentes, espinhos, acúleos, defesas físicas e químicas. 

O que são relações ecológicas?

Relações ecológicas são as interações que ocorrem entre os seres vivos dentro dos ecossistemas. Elas podem ser entre indivíduos da mesma espécie (intraespecífica) ou entre espécies diferentes (interespecíficas). Além disso, as relações ecológicas podem ser benéficas ou prejudiciais para as partes envolvidas. 

Classificação

Como dito anteriormente, as relações ecológicas são interações que ocorrem entre os seres vivos. Elas podem ocorrer entre indivíduos de uma mesma espécie, sendo classificadas como relações intraespecíficas, ou de espécies diferentes, como relações interespecíficas. 

Além dessa classificação, as relações ecológicas podem ser harmônicas ou desarmônicas. Relações harmônicas são aquelas que beneficiam os indivíduos envolvidos ou que não causam prejuízos para nenhum deles. Já relações desarmônicas são aquelas que causam prejuízos para pelo menos um dos indivíduos envolvidos. 

Sendo assim, as relações ecológicas podem ser interespecíficas harmônicas, interespecíficas desarmônicas, intraespecíficas harmônicas e intraespecíficas desarmônicas.

Nesse caso, a herbivoria é uma relação ecológica interespecífica e desarmônica. Isso porque ela ocorre entre indivíduos de espécies diferentes e beneficia apenas um deles. 

Predação

Predação é a relação ecológica em que uma espécie animal, predadora, mata e come indivíduos de outra espécie animal, presas. Do ponto de vista individual, as espécies predadoras beneficiam-se, enquanto as presas são prejudicadas. Já do ponto de vista ecológico, a predação é uma prática que regula a densidade populacional. 

O que são herbívoros?

Herbívoros são seres que se alimentam de organismos produtores, como algas e plantas. Eles apresentam adaptações evolutivas que garantem a sua alimentação, como peças bucais, dentes que promovem a trituração e bactérias que realizam a digestão da celulose. Vacas, cavalos, girafas, ovelhas, esquilos, lagartas, abelhas, coelhos, bois, borboletas, zebras e coalas podem ser citados como exemplos de animais herbívoros.

Cadeia alimentar

A cadeia alimentar pode ser entendida como uma sequência de seres vivos na qual um serve de alimento para o outro. Por meio dela, ocorre a transferência unidirecional de matéria e energia no ecossistema. Cada organismo ocupa uma posição dentro da cadeia alimentar, que é determinada pelo tipo de alimento e pela forma como ele se alimenta.

Em uma cadeia alimentar, os herbívoros ocupam a segunda posição, isto é, a de consumidores primários, pois se alimentam de seres vivos produtores, que se localizam na primeira posição.

Importância

A herbivoria possui grande importância ecológica, pois, ao se alimentarem de determinadas plantas, os animais auxiliam tanto no processo de dispersão de sementes, permitindo que elas possam germinar em novos locais, quanto na polinização.