Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Entenda porque a cera de abelha não é considerada vegana

Simplificando, a cera de abelha não é um produto vegano porque vem de origem animal. A cera é produzida pelos insetos para proteger a colmeia e armazenar o mel. As abelhas e suas larvas consomem o mel no inverno, dependendo de suas propriedades antipatogênicas para sobreviver. 

A cera é produzida por glândulas localizadas no abdômen das abelhas trabalhadoras. Elas se juntam para aquecer a colmeia (por volta de 34ºC) e começam a excretar o mel que solidifica em contato com o ar. 

A cera de abelha e o mel são removidos por apicultores com a ajuda de uma faca quente, e assim vira um material para a confecção de diversos produtos.

Onde é usada?

 A cera é usada na produção de materiais de arte, velas, cosméticos — maquiagens e produtos para o corpo ou pele —, remédios e alimentos processados. 

Por que não é vegano?

A cera de abelha não é um produto vegano. O veganismo é um movimento que se isenta da consumação de qualquer coisa de origem animal. Enquanto pode ser considerado vegetariano, porque não contém abelhas em si, não é vegano. 

Muitas abelhas são machucadas na extração do mel e da cera, resultando no sofrimento animal. 

As abelhas são responsáveis pela polinização de diversas plantas, incluindo as alimentícias que são grande parte de uma dieta saudável, como frutas e vegetais. Sem as abelhas, perderíamos 70% dos alimentos que são polinizados por elas. Além disso, haveria extinção de outros animais que também dependem de vegetais polinizados por abelhas e daqueles que predam estes.

Muitas vezes, os apicultores cortam as asas das abelhas rainhas para prevenir que elas saiam da colônia. Quando eles querem mover uma abelha rainha para outra colmeia, elas são levadas por trabalhadoras que podem morrer no processo, sendo atacadas por outras abelhas.  

Um estudo publicado em 2016 indica que a migração comercial das abelhas causa estresse oxidativo e reduz a suas vidas úteis. 

Existe cera de abelha vegana?

Alguns veganos se desprendem da ideia de que a cera é resultado da exploração animal e tendem a consumir esses produtos. Porém, ainda conscientes com o que acontece na produção de maior escala, eles investem em “pequenos” apiários.

Ainda assim, a cera de abelha não é vegana, e querendo ou não, esses animais podem ser machucados ou mortos em sua produção para a extração comercial. 

Alternativas 

Existem, porém, alternativas para a cera de abelha que são veganas. A cera de carnaúba, por exemplo, é extraída de um tipo de palmeira e pode ser usada na confecção de cosméticos, medicamentos e também pode substituir o plástico.

A cera de soja também é uma ótima substituta na produção de velas.