Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Adaptação climática diz respeito à capacidade de reduzir a vulnerabilidade biológica ou socioeconômica frente às mudanças climáticas,

Adaptação climática é um conceito que diz respeito à capacidade de um território humano ou sistema natural reduzir a sua vulnerabilidade biológica e socioeconômica frente às mudanças climáticas.

Como implementar a adaptação climática nas cidades?

adaptação climática ultrapassa limites geográficos. Isso porque problemas como enchentes, deslizamentos de terra, secas, tempestades severas e outros desastres naturais são fenômenos que estão ligados a sistemas naturais amplos, cujas causas vão além de características de um território específico. Muitas vezes, essas causas estão ligadas a problemas ambientais globais, como as mudanças climáticas.

Injustiça ambiental

Justiça ambiental é um conceito e um movimento político que se refere à necessidade de reduzir as assimetrias sociais e econômicas decorrentes do contexto ambiental de determinados grupos sociais.

Escassez de recursos naturais, desequilíbrio de ecossistemas, desastres naturais e fenômenos climáticos não respeitam distribuições geográficas e impactam classes, gênero e raça de formas distintas.

Da mesma forma, os impactos da mudança do clima não são distribuídos de modo igualitário na sociedade, caracterizando um contexto de injustiça e racismo ambientais. Populações urbanas, negras, indígenas e pobres são mais vulneráveis a impactos ambientais.

No Brasil, esses grupos costumam ser populações de baixa renda, mulheres, povos étnicos tradicionais, operários, extrativistas, geraizeiros (populações tradicionais dos cerrados do norte de Minas Gerais), pescadores, pantaneiros, caiçaras, vazanteiros (povos que têm a vida ligada ao rio), ciganos, pomeranos (povo alemão originário da Pomerânia), comunidades de terreiro, faxinais, negros urbanos, ribeirinhos, indígenas e quilombolas.

Durante a pandemia de coronavírus (um problema ambiental), por exemplo, quilombolas morreram quatro vezes mais que a população geral brasileira e as mulheres foram mais afetadas emocionalmente.

Dessa forma, a implementação da adaptação climática precisa levar em conta as características peculiares de cada território e sua população.

Por que devemos promover a adaptação climática?

Uma infraestrutura adaptada às mudanças climáticas promove vida, bem-estar e  renda. Atividades como reflorestamento, manejo florestal, reciclagem, recuperação de resíduos e desenvolvimento de transporte ativo (ciclovias e calçadas) geram mais empregos do que atividades impactantes como uso de lixões e aterros sanitários; desmatamento; e construção de estradas.