Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Mel, tomilho e alho são alguns ingredientes naturais que funcionam como remédio para tosse

Imagem de Alice Pasqual no Unsplash

Muita gente recorre à farmácia em busca de algum remédio para tosse que promova uma solução rápida. O problema é que esses produtos em geral não exigem receita e o uso incorreto de medicamentos antigripais é comum. A tosse é um sintoma comum em gripes e resfriados, mas ela também pode ser resultado de infecções virais ou problemas respiratórios mais complexos. Por isso, uma boa opção é usar ingredientes naturais como remédio para tosse.

Se você não conhece a origem da tosse, começar o tratamento por um remédio para tosse de preparo caseiro evita o uso inadequado de remédios de farmácia, que podem agravar os sintomas e até estimular a resistência de eventuais bactérias causadoras do problema. Um remédio para tosse caseiro pode aliviar os sintomas, mas é sempre bom procurar ajuda médica caso a tosse persista.

Opções naturais de remédio para tosse

Gargarejo com óleos essenciais

Ingredientes

  • 200 ml de água
  • 5 gotas de óleo essencial de cravo
  • 5 gotas de óleo essencial de hortelã-pimenta
  • 5 gotas de óleo essencial de eucalyptus globulus
  • 3 gotas de óleo essencial de melaleuca (opcional)
  • 1 colher de sopa de xilitol ou bicarbonato de sódio (opcional)

Modo de preparo

Misture todos os ingredientes na água até que o xilitol esteja dissolvido. Armazene em um recipiente de vidro com tampa. Faça gargarejos de dois minutos três ou quatro vezes ao dia. De forma alguma o conteúdo deve ser ingerido – faça apenas gargarejos. Os ingredientes desse remédio para tosse, principalmente os óleos essenciais, têm forte ação contra bactérias nocivas que podem ser a causa da tosse. Além disso, eles também são ótimos contra cáries.

Chá de ervas

Outro remédio para tosse eficaz é fazer um chá com ervas que possuem propriedades coligativas, ou seja, atuam como remédio para congestão, tosse e inflamação pulmonar. O tomilho relaxa os músculos da traqueia e os brônquios, abrindo as vias aéreas. O limão é um ótimo antioxidante e rico em vitamina C, enquanto o chá verde possui flavonoides que auxiliam na absorção dessa vitamina C. O açafrão é anti-inflamatório e antioxidante e o gengibre é um ótimo anti-inflamatório, analgésico e expectorante.

Ingredientes:

  • 1 sachê de chá verde (ou 2 colheres de sopa)
  • 1/2 colher de chá de açafrão
  • 1/3 colher de chá de tomilho (ou uma gota de óleo essencial de tomilho)
  • 1/2 colher de chá de raiz de gengibre (fresco e ralado)
  • Suco de meio limão (ou uma gota de óleo essencial de limão)

Como preparar o chá para tosse

  1. Coloque o sachê de chá (ou as colheres de chá) e as ervas em um copo grande com água fervente;
  2. Deixe-os em infusão por pelo menos 5 minutos;
  3. Adicione o limão e beba a seguir.

Tomilho

O óleo essencial do tomilho, que é obtido a partir de suas folhas, é muito usado como um remédio para tosse. Em um estudo, uma combinação de folhas de tomilho e hera ajudou a aliviar a tosse e outros sintomas de bronquite aguda. Dessa forma, assim como no chá com vários ingredientes, pode ser que um chá só de tomilho também ajude na hora da tosse.

Cânfora

Ferver folhas de cânfora na água por cerca de dez minutos e inalar seu vapor é uma opção de remédio para tosse. Quando a cânfora é inalada em forma de vapor, ela forma um revestimento em torno das superfícies internas dos órgãos respiratórios – isso ajuda a reduzir a irritação da garganta e ajuda no tratamento de bronquite.

Mas é preciso cuidado ao usar cânfora, já que ela pode ser altamente tóxica quando ingerida. A cânfora normalmente é usada no peito para aliviar sintomas de resfriado, tornando as vias aéreas mais sensíveis ao ar frio, o que proporciona um falso alívio da congestão nasal. O uso excessivo de cânfora no peito pode causar convulsões, náuseas, vômitos e dores de estômago.

Hortelã

Inalar o óleo essencial de hortelã-pimenta ajuda a desobstruir as vias nasais e aliviar a inflamação na garganta. A hortelã-pimenta atua como expectorante, ajudando na limpeza das vias nasais, e pode proporcionar alívio para resfriados, tosse, sinusite, asma e bronquite. A hortelã também é eficaz na redução de sintomas de alergia provocada pela inalação de pólen, o que às vezes tem a tosse como um sintoma.

O óleo essencial de hortelã-pimenta também pode ser misturado com óleo de coco e óleo essencial de eucalipto para fazer um remédio para tosse aplicado por meio de uma vaporização caseira. Acrescente cinco gotas do óleo essencial em uma bacia com água quente e inale o vapor para reduzir os sintomas de asma e bronquite.

Alho

Alho é remédio para tosse
Imagem de Ulrike Leone por Pixabay

Por mais estranho que possa parecer, mastigar um pedaço de alho pode aliviar bastante a tosse causada por inflamação na garganta. Isso porque o alho possui um composto chamado alicina, que pode matar as bactérias e germes que causam tosse, dor e irritação. Corte um dente de alho fresco ao meio e coloque um pedaço em cada bochecha. Chupe o alho como se fosse uma pastilha para tosse. Tente fazer isso uma vez por dia. Caso o seu hálito não fique muito agradável, confira a matéria “Como acabar com o mau hálito naturalmente“.

Madressilva

A erva é extremamente eficaz como remédio para tosse e outros sintomas de garganta inflamada. Seu consumo também expele toxinas do sangue e funciona como um anti-inflamatório para ajudar a reduzir o inchaço dos tecidos da garganta. Duas xícaras de flores e folhas frescas de madressilva, um quarto de água e um modo para aquecê-la é tudo o que você precisa. Depois de adquirir suas folhas e flores, cozinhe-as em um litro de água fervente por dez minutos. Adicione o mel/limão se quiser.

Cravo-da-Índia

Os cravos são frequentemente usados ​​para ajudar a melhorar tosse e garganta inflamada. Eles funcionam como remédio para tosse devido ao eugenol (óleo de cravo), uma substância que é um forte antisséptico natural e pode atuar como antibacteriano. Mastigar cravos vai liberar lentamente o eugenol e anestesiar a dor em sua garganta, aliviando a tosse.

Separe vários cravos inteiros e um copo com água (opcional). Coloque um ou dois cravos em sua boca e chupe-os até que se tornem macios – então mastigue como se fossem gomas de mascar. Engolir depois não é prejudicial. O sabor final não é dos mais agradáveis, mas seu hálito vai ficar bem fresquinho.

Mel

Um estudo da Penn State College of Medicine descobriu que o mel de trigo mourisco superou o remédio para tosse dextrometorfano. A substância natural acalmou a tosse noturna em crianças e trouxe melhorias para seu sono. Outro estudo, divulgado na revista Pediatrics, envolveu 270 crianças de 1 a 5 anos com problemas de tosse noturna devido a resfriados simples. De acordo com os resultados, as crianças que receberam duas colheres de chá de mel trinta minutos antes de deitar tossiram com menos frequência e foram menos propensas a perder o sono devido à tosse em comparação àquelas que não receberam o mel.

Outra pesquisa comparou o mel com vários outros remédios para tosse e descobriu que o ingrediente natural foi o que se saiu melhor dentre todas as opções analisadas. Além de se mostrar mais eficaz no tratamento da tosse (36% melhor na redução da quantidade de tosse e 44% melhor na redução da gravidade da tosse), o uso de mel também levou a uma redução na duração média da infecção em dois dias.

Os pesquisadores constataram que o mel funciona como tratamento para essas doenças porque contém peróxido de hidrogênio – um conhecido matador de bactérias. O mel também tem a consistência certa para o tratamento de condições respiratórias, já que sua espessura faz com que ele seja capaz de cobrir a boca e a garganta, acalmando a irritação.


Veja também: