Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Conheça as características e as aplicações do método montessori na educação, sobretudo a infantil

Montessori é um método de educação que se baseia na atividade autodirigida, aprendizagem prática e brincadeira colaborativa. Nas salas de aula que seguem o método montessori, as crianças fazem escolhas criativas visando ao aprendizado, enquanto o professor oferece atividades adequadas à idade para orientar o processo. As crianças trabalham em grupos e individualmente para descobrir e explorar o conhecimento do mundo e desenvolver seu potencial máximo.

Cada sala de aula montessori é um ambiente preparado para atender às necessidades das crianças de uma faixa etária específica. Criadora do método, Dra. Maria Montessori descobriu que a aprendizagem experiencial nesse tipo de sala de aula levou a uma compreensão mais profunda da linguagem, da matemática, das ciências, da música, das interações sociais e de outras habilidades adquiridas.

O que é o método montessori?

O método montessori foi desenvolvido pela italiana Maria Montessori no início do século XX. A pedagogia montessoriana é um método centrado na criança, que envolve atividades conduzidas por crianças (chamadas de “trabalho”), salas de aula com crianças de várias idades e professores que incentivam a independência entre seus alunos. A Dra. Montessori acreditava que os alunos aprendem melhor quando estão escolhendo o que aprender e que a filosofia deve estar presente na sala de aula.

Uma sala de aula montessori oferece:

  • Diversas estações de atividades para as crianças escolherem ao longo do dia.
  • Um sistema de classificação não tradicional.
  • Foco no aluno como um todo (desenvolvimento social, emocional, intelectual e físico)
  • Ênfase na aprendizagem independente prática
  • Luz natural e espaço abundante
  • Interação social aprimorada
  • Independência dos alunos

A educação montessori cobre todos os períodos da educação, do nascimento até os 24 anos, contemplando um currículo integrado. Antes de desenvolver o método, Dra. Montessori observou que a criança vai desde a infância até a idade adulta por quatro períodos evolutivos chamados “planos de desenvolvimento”. O primeiro deles, que se inicia no nascimento e continua até os seis anos de idade, é caracterizado pela “mente absorvente” da criança, que capta e absorve todos os aspectos, bons e maus, do ambiente que o cerca, sua linguagem e sua cultura.

No segundo plano, dos 6 aos 12 anos, a criança possui uma “mente racional” para explorar o mundo com imaginação e pensamento abstrato. Já no terceiro plano, que vai dos 12 aos 18 anos, o adolescente possui uma “mente humanística”, que procura compreender a humanidade e contribuir para a sociedade. No último plano de desenvolvimento, dos 18 aos 24 anos, o adulto explora o mundo com uma “mente especialista”, encontrando nele o seu lugar.

Aprender fazendo

Montessori
Imagem de CDC no Unsplash

Cada material em uma sala de aula que segue o método criado por Montessori apoia um aspecto do desenvolvimento infantil, criando uma correspondência entre os interesses naturais da criança e as atividades disponíveis. As crianças podem aprender por experiência própria e em seu próprio ritmo. Eles podem responder a qualquer momento às curiosidades naturais que existem em todos os humanos e construir uma base sólida para a aprendizagem ao longo da vida.

O material dourado, por exemplo, é uma das muitas ferramentas do método montessori utilizadas na sala de aula. Consiste em um conjunto de barras, placas e cubos que ajudam o aluno a compreender na prática as operações fundamentais da matemática, frações, cálculos, áreas, volumes e relações numéricas, saindo do campo da teoria para a atividade vivencial.

Quem foi Dra. Maria Montessori?

Dra. Maria Montessori nasceu em 31 de agosto de 1870, em Chiavaralle, na Itália. Médica, pedagoga e antropóloga, Montessori dedicou a vida a compreender como as crianças se desenvolvem social, intelectual, física e espiritualmente. Observando o comportamento de crianças em todo o mundo, ela descobriu padrões universais de desenvolvimento que podem ser detectados em todas as crianças, independentemente da cultura ou da época em que vivam. A partir de suas observações, desenvolveu a pedagogia montessoriana, que ainda encontra desdobramentos e seguidores no mundo todo nas escolas montessorianas, na educação para a primeira infância e educação infantil até a idade adulta. Foi uma das primeiras mulheres a receber o diploma de Medicina na Itália.

Em 1904, passou a lecionar Pedagogia na Universidade de Roma e, três anos mais tarde, foi incumbida de cuidar de um grupo de crianças na favela de San Lorenzo, também em Roma. Foi aí que ela começou a ver a importância de um ambiente positivo e estimulante que muda com as necessidades de desenvolvimento da criança. Ao observar as crianças e suas respostas ao meio ambiente, ela as viu demonstrar capacidades e interesses que superaram suas expectativas.

O conjunto de materiais usados ​​no método montessori foi projetado ao longo de muitos anos pela Dra. Maria Montessori e seus associados, criando uma representação física concreta dos conceitos e habilidades que as crianças são naturalmente motivadas a aprender em seu curso normal de desenvolvimento. Foi nessa época que fundou sua primeira Casa dei Bambini (Casa das Crianças, em italiano), que daria início a uma série de outras instituições de ensino que seguiriam os mesmos princípios de desenvolvimento natural das crianças. A Dra. Montessori foi nomeada para o Prêmio Nobel da Paz em 1949, 1950 e 1951 e continuou trabalhando, ensinando e escrevendo até seu falecimento, em 1952.