Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Só na capital chinesa, cerca de 330 mil carros sairão de circulação em 2014

Todo mundo sabe que a qualidade do ar nas principais cidades chinesas está péssima. Para tentar amenizar essa questão, o governo do país pretende tirar das ruas e estradas mais de cinco milhões de veículos que estão envelhecendo e, por isso, possuem tecnologia antiga que polui mais o ar. Segundo um documento publicado nesta segunda-feira, cerca de 330 mil veículos automotores serão desativados apenas na cidade de Pequim.

O crescimento vertiginoso da economia chinesa nas últimas décadas é que trouxe consequências ruins para a qualidade do ar, da água e do solo do país. Isso fez com que as lideranças locais estabelecessem planos prioritários para reduzir emissões. No entanto, o Conselho de Estado afirmou que o país não conseguiu cumprir suas metas estabelecidas para o período 2011-2013. 

Após essa constatação, houve uma tentativa de intensificar o combate. A expectativa é de que até 5,33 milhões de veículos com “etiqueta amarela”, ou seja, que falharem em atender os padrões chineses de emissão, serão “eliminados” em 2014, segundo o documento divulgado.

Além dos 330 mil carros que devem ser retirados de Pequim, outros 660 mil veículos serão retirados da província de Hebei, nas proximidades da capital, que contou com as sete cidades mais poluídas do país em 2013.

Veja também:
Pesquisa comprova aumento significativo da poluição no mundo
As cidades mais poluídas do mundo
Antiga fábrica se transforma em horta comunitária na China