Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Os ministérios do Meio Ambiente da região e o Programa da ONU para o Meio Ambiente (Pnuma) estreitaram esforços para reduzir a poluição atmosférica e mortes associadas à exposição de substâncias nocivas

Imagem: Flickr/Thomas Hobbs (cc)

Na ocasião da celebração do Dia Interamericano da Qualidade do Ar, no dia 14 de agosto, os governos da América Latina e do Caribe reafirmam o compromisso em combater a poluição atmosférica e melhorar a qualidade do ar e a saúde da população dessa região.

Organizações Internacionais avisam que é necessário fortalecer as medidas para promover a melhora da qualidade do ar, com o objetivo de reduzir e prevenir doenças relacionadas à poluição do ar e mortes associadas à exposição a substâncias nocivas presentes no ar.

De acordo com informações da Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de 100 milhões de pessoas na região são expostas a níveis de poluição que excedem os limites recomendados. Enquanto isso, a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) estima que a poluição do ar nas áreas urbanas é a causa de, pelo menos, 35 mil mortes prematuras a cada ano.

Portanto, no marco do Fórum dos Ministros do Meio Ambiente da América Latina e do Caribe, os ministros criaram a Rede Regional Intergovernamental sobre Poluição do Ar e, em 2014, adotaram um Plano de Ação para guiar os esforços regionais no campo, com apoio do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma).

O Pnuma destacou a liderança que os membros da Rede têm mostrado ao implementar o Plano Regional de Ação com o foco de entregar resultados concretos no próximo Encontro do Fórum dos Ministros do Meio Ambiente, que acontece no início de 2016.

“Os países da região, com o apoio do Pnuma e da Opas, estão trabalhando juntos no desenvolvimento de guias para o desenho e a implementação dos planos a nível nacional, baseados na experiência já existente na região”, disse Mara Murillo, Vice-Diretora Regional do Pnuma para a América Latina e o Caribe.

Dentre as atividades da Rede Regional Intergovernamental sobre Poluição do Ar, encontram-se o desenvolvimento de seminários online para a troca de informações, experiências e melhores práticas. Os tópicos abordados variam do monitoramento da qualidade do ar, inventários de emissões, inspeção veicular e o uso de modelos atmosféricos.


Fonte: ONUBr

Veja também: