Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Confira dicas e vantagens do shampoo em pó, que utiliza ingredientes naturais concentrados para lavar os cabelos e remover as impurezas dos fios profundamente

O shampoo em pó ainda não é uma alternativa tão popular ao uso de shampoos tradicionais, mas aos poucos vem conquistando seu espaço, graças à praticidade e aos benefícios que oferece. 

Assim como o shampoo sólido, a versão em pó reduz impactos ambientais da produção de modelos tradicionais e, geralmente, é feita com ingredientes naturais, dispensando substâncias nocivas à sua saúde. Mas que impactos são esses? 

O problema dos produtos tradicionais: por que optar pelo shampoo em pó?

Apesar de cada modelo de shampoo tradicional ter uma formulação específica, todos eles seguem uma mesma estrutura química, composta basicamente por: veículo, agente de limpeza, estabilizador de espuma, agentes condicionadores, espessantes e aditivos. E a má notícia é que todos eles fazem mal ao meio ambiente e à saúde.

A indústria cosmética costuma utilizar um agente altamente limpante, chamado sulfato agressivo (como o lauril sulfato de sódio), porque, para a maioria das pessoas, bastante espuma é sinônimo de limpeza. 

De fato, esses agentes eliminam dos fios as impurezas do dia a dia, como sujeira e poluição. O problema é que eles também retiram a proteção natural do cabelo, o que pode trazer duas consequências bastante desagradáveis. 

Se os seus fios são naturalmente oleosos, seu corpo vai entender a eliminação da oleosidade como um erro, passando a produzir ainda mais óleo – o famoso “efeito rebote”. Por outro lado, se seus cabelos são ressecados, o efeito é o inverso: um ressecamento fora do normal. 

Shampoo em pó reduz impactos ambientais

Para dar um jeito no ressecamento, muitas pessoas apelam para os cremes de hidratação, que podem conter derivados de petróleo. Esses petrolatos são uma matéria-prima barata para os produtos e, aparentemente, conferem brilho e sedosidade aos cabelos.

No entanto, como são artificiais, eles encapam o fio com uma película impermeável. Como o fio está encoberto, nenhuma substância que trata o cabelo poderá penetrar nas camadas microscópicas internas que o constituem, e o ressecamento que o sulfato causa não é reparado.

Usar nos cabelos substâncias derivadas de petróleo, além de não hidratar os cabelos de verdade (pois cria apenas uma impermeabilização nos fios, como já foi dito), pode trazer consequências ruins para a saúde humana e para o meio ambiente.

Alguns dos itens citados são tidos como potencialmente cancerígenos pela Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer (Iarc). Passá-los na sua cabeça todos os dias pode não ser uma boa ideia. Saiba mais sobre eles na matéria O que é petrolato?

Sem contar que algumas dessas substâncias possuem função detergente. Como o shampoo e o condicionador são despejados em rios e corpos d’água após percorrerem tubulações de esgoto, provocam a eutrofização (aumento de matéria orgânica na superfície), que impede a passagem da luz solar em tais locais, o que prejudica muito a fauna e toda a biodiversidade aquática.

A pegada de carbono e a pegada hídrica dos shampoos tradicionais também geram um problema ambiental sério. Você sabia que até 80% da composição do shampoo líquido é água? Nos condicionadores, esse número pode chegar a 95%. 

Quer você compre seu shampoo on-line ou por meio de um revendedor local, o frasco geralmente tem que viajar centenas de quilômetros, com uma pegada de carbono diretamente associada ao seu peso. 

Ao remover o componente mais pesado (e mais acessível), o shampoo em pó reduz drasticamente seu impacto ambiental. Além do enorme desperdício, ao comprar esse tipo de produto você está pagando, basicamente, por água. Será que vale a pena?

5 motivos para trocar a versão líquida pelo shampoo em pó

1. Durabilidade

Assim como o shampoo sólido, o shampoo em pó pode durar muito mais tempo do que os produtos líquidos. Como não contém água na composição, a versão em pó concentra os ingredientes, promovendo uma limpeza mais profunda dos fios e evitando que você tenha de usar uma quantidade muito grande de produto para lavar adequadamente. 

2. Praticidade

Do ponto de vista da experiência do consumidor, o xampu sem água faz muito mais sentido. O xampu em pó contorna facilmente as restrições de transporte em viagens de avião, evitando preocupações com o peso da bagagem ou derramamento de produto ao viajar.

Além disso, as embalagens compactas minimizam a bagunça e o excesso de produto dentro do banheiro. Para se ter uma ideia, o conteúdo de um frasco de shampoo em pó corresponde a quase 4 frascos da versão líquida!

3. Ingredientes naturais

A maior parte das marcas de shampoo em pó utiliza ingredientes 100% naturais e, geralmente, veganos na fabricação de seus produtos. Lavar os cabelos sem substâncias químicas nocivas, como sulfatos, parabenos e silicone, não só protege a sua saúde em longo prazo, como melhora muito a textura e a aparência dos cabelos. 

4. Fácil de usar

Para lavar o cabelo com shampoo em pó, basta despejar cerca de um grama do produto na palma da mão e adicionar água durante o banho, para formar uma espuma cremosa. Em seguida, massageie bem o couro cabeludo e espalhe da raiz até as pontas. O shampoo em pó vai acabar com a oleosidade excessiva dos fios sem eliminar o óleo completamente, evitando o efeito rebote. 

5. Evita o excesso de plástico

Muitas marcas de shampoo em pó já evitam o plástico na composição de suas embalagens, mas, de qualquer maneira, a própria composição do produto já dispensa o uso de embalagens enormes, que, muitas vezes, não são recicladas. Com embalagens menores, a marca economiza no uso de energia e materiais na distribuição, o que significa menos combustível e menor geração de resíduos.

Shampoo em pó é a mesma coisa que shampoo seco? 

Vale lembrar que o shampoo seco é um produto completamente diferente do shampoo em pó – tanto na composição como na finalidade. O shampoo seco é uma opção para aqueles dias em que você não tem tempo de lavar o cabelo, mas está sofrendo com o excesso de oleosidade.

Na verdade, ele não é um shampoo de verdade, porque não limpa o cabelo. O shampoo seco é um produto que “disfarça” a oleosidade excessiva e a má aparência dos fios, enquanto você não encontra um espaço na agenda para lavar o cabelo. 

Já o shampoo em pó é um produto específico para lavar os cabelos, que funciona da mesma maneira que o shampoo sólido e o shampoo líquido. Uma dica para encontrar o shampoo em pó ideal para você é ficar de olho na composição de cada produto e pesquisar marcas ecologicamente responsáveis. Algumas marcas disponibilizam testes rápidos no site oficial ou nas redes sociais para que você escolha o produto mais adequado para os seus fios.