Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Promovida pelo Instituto de Ciências Biomédicas da USP, exposição sobre histologia quer oferecer à sociedade um olhar artístico para a ciência, demonstrando a beleza e a importância das atividades desenvolvidas na Universidade

Por Jornal da USP Imagens microscópicas de diversos tecidos que demonstram como se constitui a estética do corpo humano e como sua harmonia é perturbada pelas doenças. Esse é o conteúdo da exposição virtual Histologia, o estudo daquilo que nos constitui, promovida pelo Instituto de Ciência Biomédicas (ICB) da USP, disponível neste link.

A exposição faz parte do projeto Centro Expositivo – Ciência e Arte do ICB, que tem o objetivo de oferecer à sociedade um olhar artístico para a ciência, demonstrando a beleza e a importância das atividades desenvolvidas na Universidade. A ideia também é mostrar de uma forma acessível ao público conceitos mais complexos que são tratados nas pesquisas científicas.

Ao visitar a exposição, o participante parte do avanço da microscopia, que permitiu ter uma melhor compreensão de como funciona o corpo humano, algo perseguido desde Hipócrates, na Grécia Antiga, na sua atuação como médico. Com essa tecnologia, foi possível ver as células que, juntas, formam os tecidos do corpo. Esse avanço permitiu o desenvolvimento da histologia, área de estudo que se dedica aos tecidos biológicos. A exposição leva então o visitante a perceber que imagens de lâminas, radiografias e peças anatômicas podem mostrar não só ciência, mas também arte.

As imagens também mostram tecidos doentes, por exemplo, com infecção causada por fungos, afetadas por carcinomas ou pela leucemia, que são tipos de câncer.

Democratização da microscopia

A mostra virtual fala sobre os microscópios acessíveis criados pelo Departamento de Biologia Celular e do Desenvolvimento do ICB que estão sendo confeccionados para escolas públicas como forma de incentivar o ensino das ciências. Os microscópios são produzidos em plástico por meio de impressão 3D e utilizam a câmera de celular para ampliar a visualização da lâmina analisada. Eles fazem parte de um kit que inclui tecidos histológicos e material didático para auxiliar os professores no ensino da histologia.

A iniciativa ainda conta com entrevistas com pesquisadores que tratam do diálogo entre a estética e a ciência do corpo humano. No primeiro vídeo, chamado Leucemia: entender para tratar, o professor João Agostinho explica os tipos de câncer e como a ciência pode ajudar quem tem a doença. No segundo vídeo, a professora Fernanda Ortis trata da diabete e como ela afeta nossos tecidos. Clique nos players abaixo para conferir:

O trabalho é promovido pela Comissão de Cultura e Extensão (CCEx) do ICB e faz parte da terceira etapa do Projeto de Extensão Cultura e Arte.

Para conferir a exposição, acesse: https://ww3.icb.usp.br/ext/histologia-o-estudo-daquilo-que-nos-constitui