Bicicleta elétrica quer definir novo padrão

eCycle

E-bike é dobrável e muito funcional para quem a utiliza diariamente

Uma nova bicicleta elétrica foi desenvolvida para as pessoas que usam esse tipo de transporte diariamente. O responsável pela criação foi o Conscious Commuter (commuter é termo em inglês que se refere a uma pessoa que realiza diariamente um trajeto entre os mesmos locais, para trabalhar ou estudar), uma companhia americana.

A idéia foi juntar a facilidade de uma bicicleta que pode ser dobrada e a potência que uma bike elétrica possui. Para chegar a esse resultado que considera inovador, o designer Gabriel Wartofsky passou dois anos de noites e fins de semana dormindo pouco para chegar a um projeto bonito e funcional. Para ele, era importante que a bicicleta não tivesse a aparência comum que e-bikes possuem, considerada estranha pelo designer, e que, por ser dobrável, não parecesse de brinquedo.

Para aguentar diferentes pesos, a estrutura aparentemente simples carrega uma bateria Li-Po de 36 volts, com autonomia para durar de 16 a 32 quilômetros a cada recarga, com motor de 350 watts e um sistema auxiliar de acelerador.

A idéia do designer agradou tanto que ele até conseguiu, via doações na internet, renda para que o projeto saísse do papel. Com 25 mil dólares arrecadados, ele terá meios de partir para a próxima etapa, que é o crowdsourcing. E para quem nunca ouviu falar do termo, isso significa que a bike elétrica-dobrável será objeto de um desenvolvimento coletivo, pois o crowdsource consiste em unir uma série de pessoas dispostas a colaborar com seus conhecimentos e idéias em projetos que lhe pareçam interessantes, sem ganhar nada em troca.

Para essa parte do projeto, a idéia de Gabriel é que as pessoas possam colaborar com tudo que envolve o desenvolvimento da bike: acessórios, cores, nomes, estilo - qualquer idéia é bem vinda.

Todo o conceito que envolve a criação da bicicleta é uma homenagem a mãe de Wartofsky, que sempre incentivou a família a viajar com esse meio de transporte, já que eles não tinham um carro. Gabriel deixa claro que todo o projeto vai além da idéia de um modo mais ecológico e agradável de se locomover. “Eu quero que as pessoas possam sentir novamente a magia da bicicleta que minha mãe viveu a maior parte da vida. Meu desafio era projetar uma e-bike que permitirá a quem usá-la sentir essa magia em todas as viagens, diariamente”, explicou.

Conheça um pouco mais sobre a bike no vídeo abaixo:



 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail