Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Técnica utiliza pigmentos naturais extraídos de flores, frutas, legumes e outras partes de plantas

Foto: reprodução

A oficina tem como objetivo ensinar os participantes a imprimirem cópias fotográficas utilizando folhas e pigmentos extraídos de vegetais. Serão apresentadas duas técnicas de revelação fotográfica artesanal: a antotipia e a fitotipia.

A antotipia é uma técnica que utiliza pigmentos naturais extraídos de flores, frutas, legumes e outras partes de plantas para fazer uma cópia fotográfica. A fitotipia é o processo que utiliza as próprias folhas das plantas como suporte para as revelações.

Conteúdo e programação

  • Breve histórico dos processos;
  • O que é a antotipia;
  • O que é a fitotipia;
  • Mostra de trabalhos;
  • Preparação das emulsões, observação e colheita de folhas;
  • Produção de fotografias e revelações sobre papéis e folhas de plantas;
  • Atividade prática.

Dani Sandrini

Formada em comunicação pela ECA-USP, desde 1998 trabalha com fotografia, tanto comercialmente quanto como ferramenta em propostas lúdicas e educacionais. Em 2009 começou a se dedicar aos seus projetos autorais em fotografia, atuando entre o Brasil e a Jordânia, onde foi premiada em 2014.

A partir de 2013 agregou os estudos de psicanálise e acompanhamento terapêutico aos saberes de arte e educação, realizando trabalhos interligando imagem e saúde mental. Promove cursos e intervenções artísticas em escolas, museus e centros culturais.

Serviço

  • Evento: oficina de antotipia e fitotipia
  • Data: 24 de Maio de 2019 (sexta-feira)
  • Horário: das 9h às 13h
  • Local: Escola de Botânica
  • Endereço: Av. Angélica, 501, Santa Cecília, São Paulo, SP
  • Número de vagas: 10 (dez)
  • Número mínimo de participantes: 6 (seis)
  • Investimento: R$ 250,00 (inclui material utilizado)
  • Não exige pré-requisito
  • Saiba mais ou inscreva-se

Como chegar na Escola de Botânica


Veja também: