Cientista usa trailer para realizar medições de metano em diversos locais

eCycle

Intuito é medir os vazamentos do gás pelos EUA

metano

Um cientista atmosférico norte-americano teve uma ideia inusitada: ao invés de ficar trancado em um laboratório, ele viajou pelo país enquanto realizava medições das quantidades de metano (CH4) na atmosfera.

Para isso, Ira Leifer, da Universidade da Califórnia em Santa Barbara, converteu um trailer em um laboratório móvel, capaz de fazer medições das quantidades do gás na atmosfera.

O projeto começou em 2010, quando Leifer alugou um trailer para levar seu equipamento para realizar medições da quantidade de metano na região do Golfo do México, durante o acidente que resultou na formação de uma mancha de petróleo no mar.

No caminho de volta, as medições apontavam grandes quantidades de CH4 nas proximidades de refinarias e poços de petróleo. O trabalho do cientista chamou a atenção das autoridades da cidade de Los Angeles por ser uma boa forma para saber de onde as emissões de metano vêm e, consequentemente, criar políticas ambientais para resolver esse tipo de problema.

Agora, Leifer comprou seu próprio trailer, que conta com um medidor de 50 metros de altura, para continuar sua pesquisa. A ideia é descobrir quanto metano está vazando de tubulações, refinarias, e poços, e como enfrentar esse problema.

Metano na atmosfera

O CH4 contribui com o aquecimento global 20 vezes mais que o dióxido de carbono e possui diversas fontes, como falhas geológicas, o processo de compostagem, extração de petróleo e agricultura. Dados de 2010 do Banco Mundial apontam que 43% das emissões são fruto de atividades agropecuárias.

Para saber mais sobre aquecimento global, metano e outros gases do efeito estufa, leia nossa matéria especial sobre o assunto.


Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail