Reciclagem de PET cresceu no último ano, aponta pesquisa

eCycle

Segundo pesquisa, o setor têxtil é o principal destino do material

A reciclagem de garrafas PET é uma das que mais crescem no país nos últimos anos. No início de junho, a Associação Brasileira da Indústria do PET (ABIPET) divulgou o número de garrafas recicladas em 2011, o que confirma essa tendência.

294 mil toneladas de PET pós-consumo foram coletadas, o que representa 57,1% das embalagens descartadas pelos brasileiros. Em 2010, 282 mil toneladas foram recolhidas, o que representa um crescimento de 4,25% na reciclagem do material, segundo o 8º censo realizado pela ABIPET.

O índice registrado corresponde a mais que o dobro do crescimento registrado na produção de novas embalagens. Atualmente o faturamento da reciclagem de garrafas PET corresponde a 1,2 bilhão, ou seja, mais de um terço de todo faturamento da indústria de PET no Brasil.

Apesar da crise mundial, a coleta seletiva e o trabalho da indústria estão conseguindo fazer a atividade crescer e se expandir. Além disso, as cooperativas e recicladoras coletam e reprocessam o material para aplicá-lo no Brasil, ao contrário de algumas nações que exportam embalagens pós-consumo.

Destino

A maioria do PET reciclado no Brasil tem como destino a indústria têxtil. Esse mercado corresponde a cerca de 40% de todo PET reciclado, seguido pelos setores de embalagens e aplicações químicas, empatados em 2º lugar com 18% cada um.

409 recicladores foram entrevistados. 42% deles afirmaram que o mercado têxtil continuará sendo o principal destino das PETs recicladas. Outros 33% acreditam que a indústria de embalagens de alimentos é a mais promissora no ramo. Já 8% dos entrevistados apostam em aplicações inovadoras no setor automotivo.

Para saber onde reciclar suas garrafas PET, clique aqui.


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail