Estrias: o que são e como tratá-las

eCycle

Estrias são marcas de crescimento que aparecem na pele, podendo causar incômodos

estrias

Estrias são linhas vermelhas paralelas que se desenvolvem na pele em decorrência de seu estiramento. As estrias têm uma textura diferente do restante da pele, apresentando uma leve saliência ou recuo e, com o passar do tempo, ficam brancas, podendo coçar ou doer no início do seu aparecimento.

As estrias costumam aparecer durante ou após a gravidez e após um aumento súbito no peso ou crescimento de músculos (que esticam a pele). Elas também tendem a ocorrer em adolescentes que estão crescendo rapidamente. As estrias não são perigosas e geralmente desaparecem com o tempo.

Essas marcas podem aparecer em qualquer lugar, mas são mais comuns na barriga, mama, parte superior dos braços, coxas e nádegas.

O que causa as estrias?

As estrias são causadas pelo estiramento da pele e pelo aumento nos níveis de cortisona no organismo - hormônio produzido naturalmente pelas glândulas supra-renais que pode fazer com que a pele perca a elasticidade.

As estrias são comuns em casos como:

  • Gravidez;
  • Ganho de peso ou desenvolvimento de músculos;
  • Uso de cremes, loções e pílulas de corticosteroides, que podem diminuir a elasticidade da pele;
  • Síndrome de Cushing, Síndrome de Marfan, Síndrome de Ehlers-Danlos e outros distúrbios da glândula adrenal, que podem causar estrias por causa do aumento da quantidade de cortisona.

Quem tem mais chance de desenvolver estrias?

Todos estão vulneráveis a desenvolver estrias, entretanto, têm maior propensão a desenvolvê-las os grupos abaixo:

  • Mulheres;
  • Pessoas brancas;
  • Pessoas com histórico familiar de estrias;
  • Gestantes;
  • Gestantes de gêmeos;
  • Pessoas acima do peso;
  • Pessoas que tiveram ganho repentino de peso;
  • Pessoas que fazem uso de medicamentos corticosteroides.

Como acabar com estrias?

A estrias desaparecem com o tempo. E o ideal seria aceitá-las e vê-las como marcas da nossa própria história. Entretanto, por questões geralmente estéticas, as pessoas buscam formas de eliminá-las antes do tempo natural de desaparecimento. Existem alguns tratamentos, mas não são muito eficazes:

  • Terapia com laser pulsado: estimula o crescimento de colágeno e elastina. É melhor usar essa terapia em novas estrias. Indivíduos com pele mais escura podem apresentar descoloração da pele;
  • Fototermólise fracionária: semelhante à terapia pulsada com laser. No entanto, funciona melhor em áreas menores;
  • Microdermoabrasão: envolve o polimento da pele com minúsculos cristais para revelar uma nova pele que está sob as estrias mais elásticas. Essa técnica pode melhorar a aparência de estrias mais antigas.

É mais fácil prevenir do que remediar

Se as estrias são motivo de incômodo para você, procure prevenir-se hidratando sempre a pele, de preferência com produtos naturais como óleo de coco, óleo de amêndoas, óleo de semente de uva, entre outros. Mantenha uma alimentação saudável rica em vitamina C (que estimula a produção de colágeno), uma rotina de exercícios físicos e tome bastante água.


Fonte: Healthline

Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail