Castanha-de-caju: propriedades, benefícios e riscos

Conheça as propriedades e benefícios da castanha-de-caju

Propriedades da castanha de caju
Imagem: Pixabay / CC0

O cajueiro é uma árvore originária do Nordeste brasileiro que pode chegar a ter dez metros de altura. Ela produz um fruto (a castanha-de-caju) e um pseudofruto muito conhecido (o caju). Tanto o caju quanto a castanha-de-caju contêm diversas propriedades que oferecem diversos benefícios à saúde. Como mencionamos na matéria "Veja os benefícios que as deliciosas oleaginosas podem proporcionar", as oleaginosas podem ser pequenas, mas carregam dentro de si diversos nutrientes benéficos. A castanha-de-caju é uma delas. Conheça-a mais de perto.

Propriedades

Gorduras Insaturadas

Por ser uma oleaginosa, a castanha-de-caju possui possui gorduras monoinsaturadas e poli-insaturadas, elas são conhecidas por ajudar a controlar os níveis de colesterol, reduzindo o LDL (colesterol ruim) e aumentando o HDL (colesterol bom). Além disso, as gorduras insaturadas são capazes de reduzir os triglicérides no corpo, estes são as gorduras presentes no corpo usadas para fornecer energia; quando em excesso, elas são armazenadas no tecido adiposo como reserva energética e se transformam nas conhecidas "gordurinhas". Por reduzirem os triglicérides e controlarem o colesterol, eles ajudam a melhorar a saúde do coração e a circulação sanguínea. Para entender melhor a gordura insaturada, confira a matéria "Gorduras saturada, insaturada e trans: quais as diferenças e riscos?

Sais minerais

A castanha-de-caju possui muitos sais minerais essenciais, entre eles:

  • Cobre: está ligado a diversas funções do corpo. Junto com o ferro, ajuda na produção de hemoglobina e no transporte de oxigênio; auxilia a manter a saúde dos ossos, vasos sanguíneos e sistema imunológico;
  • Cálcio: um dos mais importantes minerais no corpo humano, ele ajuda a manter a saúde dos ossos e dentes, além de auxiliar em funções neuromusculares junto com o potássio e magnésio;
  • Magnésio: está presente em mais de 300 reações bioquímicas do corpo. Ajuda na manutenção das funções neuromusculares, no sistema imunológico, na produção de energia e proteína. Para saber mais, veja a matériaConheça a importância da ingestão de alimentos ricos em magnésio";
  • Ferro: essencial na produção de hemoglobina e auxilia no transporte de oxigênio;
  • Fósforo: sua principal função é a formação óssea. Tem um papel importante na maneira como o corpo usa carboidratos e gorduras, e auxilia no processo de produção de energia.
  • Potássio: é um tipo de eletrólito que auxilia a regular a quantidade de líquidos no corpo, além de ser importante para o crescimento do corpo, dos músculo e na quebra de carboidratos.
  • Zinco: é necessário no funcionamento do sistema imunológico. Importante na divisão e crescimento celular, na cicatrização de feridas e na quebra de carboidratos.

Vitaminas

  • Vitamina C: usada na produção de pele, tendões, ligamentos e vasos sanguíneos. cicatrização, reparação e manutenção de cartilagem e auxilia na absorção de ferro. Além disso, é um antioxidante;
  • Vitaminas do complexo B (B1,B2,B3,B6 e B9): auxiliam na produção de energia, na função cardiovascular e no sistema nervoso. Têm papel importante na manutenção de pele, sistema digestivo e função cerebral saudável, além de fazer a síntese de anticorpos;
  • Vitamina E: é um antioxidante, mantém o sistema imunológico forte contra vírus e bactérias. Auxilia o corpo no uso da vitamina K.
  • Vitamina K: tem ação anti-hemorrágica. Muitos recém-nascidos possuem pouca vitamina e recebem uma injeção dessa vitamina ao nascer. Aqueles com pouca vitamina K no corpo podem sangrar demais.

Benefícios

Em suma, a castanha-de-caju possui antioxidantes, substâncias que combatem os radicais livres que, quando em excesso, podem oxidar células saudáveis (para saber mais sobre antioxidantes, confira a matéria "O que são antioxidantes? Veja quais alimentos são ricos nessas substâncias e entenda por que é importante consumi-los").

Além disso, possui substâncias que proporcionam benefícios, como facilitação do transporte de oxigênio e nutrientes; melhora da saúde do coração e dos ossos, redução do colesterol ruim e aumento do colesterol bom, melhora do sistema imunológico, de funções neuromusculares e aumento de energia.

Cuidados

Certifique-se de que a castanha-de-caju que você for consumir não esteja crua ou mal torrada! Ela, no estado citado, pode ser tóxica devido a presença de urushiol, uma substância que, em pequenas concentrações, pode gerar inflamações na pele, mas em concentrações mais altas pode ser letal.



Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail