Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Sistema Solar é um conjunto de corpos celestes localizados na Via Láctea

Imagem editada e redimensionada de WP, está disponível no Wikimedia e licenciada sob CC by 3.0

Sistema Solar” é uma expressão utilizada para caracterizar um conjunto de planetas, planetas anões e diversos outros corpos celestes, como asteroides, meteoros, cometas, satélites, entre outros. Ele está localizado na galáxia Via Láctea e possui o Sol em seu centro, astro que exerce um forte domínio gravitacional sobre os outros corpos celestes.

Vale ressaltar que o Sol é uma estrela. Ele possui 99,8% de toda a massa do Sistema Solar e atrai tudo o que existe à sua volta, aprisionando uma série de astros e corpos celestes em sua órbita, formando o Sistema Solar. Esse fenômeno de atração de massas foi estudado pelo físico Isaac Newton, e recebeu o nome de Lei da Gravitação Universal de Newton.

Origem do Sistema Solar

Pesquisas sugerem que o Sistema Solar foi formado há aproximadamente 4,7 bilhões de anos. No entanto, sua origem ainda é questionada, já que não existem teorias que expliquem todos os fenômenos que levaram à formação do Sol e dos planetas. Contudo, pode-se dizer que a Teoria da Nebulosa Solar é a mais aceita entre os cientistas e astrônomos.

A Teoria da Nebulosa Solar diz que o Sol foi formado a partir da rotação de uma nuvem que, ao sofrer uma contração impulsionada pela gravidade, entrou em colapso por causa da elevada velocidade em que se encontrava. Ela também sugere que os planetas resultaram das partículas remanescentes da nuvem molecular em colapso.

Planetas

Os oito planetas existentes no Sistema Solar são classificados conforme as suas posições em relação ao Sol. Sendo assim, eles podem ser classificados em:

  • Planetas terrestres ou rochosos: são os quatro planetas mais próximos do Sol: Mercúrio, Vênus, Terra e Marte. Eles são caracterizados por serem compostos de rochas, ferro e metais pesados e por possuírem maior densidade, já que os materiais densos possuem tendência a estarem mais próximos ao Sol;
  • Planetas gigantes ou gasosos: são os quatro planetas mais afastados do Sol: Júpiter, Saturno, Urano e Netuno. Eles são caracterizados por serem compostos de gases como hélio e hidrogênio. São menos densos, por isso mais afastados do Sol. Há indícios de que esses planetas possuem um núcleo rochoso, entretanto, não apresentam uma superfície definida. Esses planetas detêm satélites naturais e sistemas de anéis.

Sol

O Sol é a estrela central do Sistema Solar. Todos os outros corpos desse conjunto celestial e satélites associados giram ao seu redor. Responsável por 99,86% da massa do Sistema Solar, o Sol possui uma massa 332.900 vezes maior que a da Terra, com um volume 1.300.000 vezes maior que esta.

O Sol fica a cerca de 150 milhões de quilômetros da Terra, o equivalente a 8 minutos-luz de distância (1 minuto-luz corresponde a 17.987.547 quilômetros). Por conta dessa distância, a luz do Sol não chega ao nosso planeta de maneira imediata – ela demora cerca de 8 minutos e 18 segundos para chegar à Terra. Para saber mais sobre esse astro, acesse a matéria “Saiba mais sobre o Sol”.

Plutão: um planeta anão

Plutão era considerado um planeta do Sistema Solar. Porém, descobertas astronômicas constataram a existência de corpos com propriedades semelhantes às de Plutão. Isso gerou inúmeras discussões a respeito da classificação desse astro. Logo, seria necessário ou aumentar o número de planetas do Sistema Solar ou criar uma nova classificação para os astros semelhantes ao Plutão.

Por isso, em 2006, a União Astronômica Internacional (UAI), órgão responsável pelas classificações, definições e regulamentações das nomenclaturas na Astronomia, apresentou um novo conceito para planeta, rebaixando Plutão à categoria de planeta anão.

Curiosidades sobre alguns planetas do Sistema Solar

  • A Terra possui apenas um satélite natural: a Lua;
  • Júpiter é o maior planeta do Sistema Solar;
  • A Lua de Júpiter é o maior satélite natural do Sistema Solar;
  • Em Marte fica a maior montanha já descoberta no Sistema Solar. Ela recebe o nome de Monte Olimpo e possui cerca de 20 km de altura.

Fontes: Sistema Solar e Aprendendo na escola: Sistema Solar


Veja também: