Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

As procuradoras Lívia Nascimento Tinoco, Zani Cajueiro Tobias de Souza, Anelise Becker e Monique Checker formarão o grupo

Imagem: Wikimedia Commons

O Ministério Público Federal acaba de criar um grupo de trabalho (GT) com foco na preservação de animais ameaçados de extinção e biodiversidade. O colegiado terá duração de dois anos e faz parte da 4ª Câmara do Ministério Público Federal, responsável pela área de Meio Ambiente e Patrimônio Cultural.

Monique Cheker coordenará o grupo de trabalho, que é formado por mais três procuradoras da República: Lívia Nascimento Tinoco, Zani Cajueiro Tobias de Souza e Anelise Becker.

Criado no dia 23 de fevereiro, o grupo tem como objetivo identificar a localização e o habitat das espécies em extinção nos estados brasileiros e, a partir daí, levantar informações e dados que possam auxiliar o trabalho do MPF na proteção aos animais , além de realizar contatos e ações coordenadas com os órgãos ambientais de fiscalização.

Fonte: O Eco

Veja também:
Antropocentrismo e a possível sexta extinção em massa
Ação humana pode estar diminuindo o número de espécies existentes em âmbito local