Biopesticidas podem ser boa alternativa ao uso de agrotóxicos

Produto é menos tóxico que pesticidas tradicionais. Entenda mais sobre o que são biopesticidas.

O uso de agrotóxicos em processos de cultivo agrícola é cada vez maior. A justificativa para esse uso indiscriminado é a de atender uma demanda cada vez maior por alimentos. O problema é que os pesticidas são extremamente tóxicos e danosos ao meio ambiente.

Uma boa alternativa para esse problema é a utilização de biopesticidas. De acordo com a Agência de Proteção Ambiental dos EUA (EPA), recebem essa classificação quaisquer produtos feitos a partir de microrganismos, substâncias naturais ou derivados de plantas geneticamente modificadas que façam controle de pestes.

A criação dos biopesticidas veio através da biomimética, área da ciência que estuda as estratégias e soluções da natureza para seus problemas, para que possam ser utilizadas pelo homem.

Funcionamento e vantagens

Assim como com os agrotóxicos normais, os pesticidas também são aplicados diretamente nas plantas para afastar pragas específicas. Os micro-organismos, dependendo da característica que tiverem, afastam os insetos pelo odor, por causarem intoxicação ou por outras reações que possam ter, dependo da praga em questão. Apesar do nome e dos componentes parecerem perigosos, os biopesticidas são mais seguros que os agrotóxicos comuns. Ainda de acordo com o EPA, que incentiva o desenvolvimento e a utilização desse tipo de pesticida, as vantagens são a menor toxicidade e o fato de causarem problemas apenas a pestes específicas, e não a pássaros e mamíferos.

Somado a isso, está a questão de que os biopesticidas podem ser utilizados em pequenas quantidades e têm decomposição rápida, fazendo com que o uso de agrotóxicos seja menor, o que causa um baixo impacto ambiental.

Um exemplo de sucesso dos biopesticidas é o Green Muscle, produto feito a partir da mistura de óleo mineral e esporos de fungo, e utilizado em países africanos no combate às nuvens de gafanhotos.

Nos EUA, além do EPA, a produção de biopesticidas é amparada pelo Departamento de Agricultura, que investe no desenvolvimento de tecnologias que barateiem e facilitem a produção de biopesticidas. Uma posição importante que também deveria ser tomada pelo Brasil, fronteira agrícola e com vasto potencial de desenvolvimento de novas tecnologias nessa área.

Biopesticidas caseiros

Não é apenas nos grandes complexos agroindustriais que os biopesticidas podem ser aplicados. Dicas do "arco da velha", como usar arruda para afastar insetos e manjericão para deixar os mosquitos longe do quarto, também são pertencentes ao conceito de biopesticidas. Para conhecer quais plantas podem te ajudar a combater insetos, visite a seção especial do site nPlantas.


Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail