O que é acne?

eCycle

Acne é uma infecção que ocorre quando os folículos capilares são obstruídos por oleosidade, células mortas, sujeira e bactérias

acne
Imagem editada e redimensionada de Scott Webb, está disponível no Unsplash

Acne é uma infecção de pele que ocorre quando os folículos capilares são obstruídos por oleosidade, células mortas, sujeira e bactérias. Quando isso ocorre, pode aparecer uma espinha. Se a pele for afetada repetidamente por essa condição, é caracterizado um quadro de acne.

Embora a acne não seja uma condição que apresente risco de vida, ela pode ser dolorosa, principalmente quando é grave. Também pode causar sofrimento emocional, podendo afetar a auto-estima e, com o tempo, causar cicatrizes físicas e psicológicas permanentes.

Sintomas da acne

A acne pode ser encontrada em praticamente qualquer região do corpo, mas é mais comum no rosto, costas, pescoço, peito e ombros.

Se você tem acne, normalmente notará espinhas brancas ou pretas (cravos), ambos são conhecidos como comedões.

Os cravos se abrem na superfície da pele, e adquirem a cor preta por causa do contato com o oxigênio. Espinhas e cravos são as lesões mais comuns de acne, mas também podem ocorrer outros tipos de lesões inflamatórias mais propensas a causar cicatrizes na pele, incluindo:

  • Pápulas: pequenas protuberâncias vermelhas, elevadas, causadas por inflamação nos folículos capilares;
  • Pústulas: pequenas espinhas vermelhas com pus nas pontas;
  • Nódulos: são massas sólidas e dolorosas que aparecem sob a superfície da pele;
  • Cistos: são grandes nódulos sob a pele que contêm pus e geralmente são dolorosos.

O que causa acne?

A acne ocorre quando os poros da pele ficam bloqueados com oleosidade, sujeira, pele morta ou bactérias.

Cada poro da pele é a abertura para um folículo. O folículo é constituído por um pelo e uma glândula sebácea (óleo).

A glândula sebácea libera sebo (óleo), que viaja pelos fios capilares (pelos), poros e para a pele. O sebo mantém a pele lubrificada e macia.

Um ou mais problemas nesse processo de lubrificação podem causar acne. Pode ocorrer quando:

  • Excesso de óleo é produzido pelos folículos
  • Células mortas da pele se acumulam nos poros
  • Bactérias se acumulam nos poros

Esses problemas contribuem para o desenvolvimento de espinhas. Uma espinha aparece quando a bactéria cresce em um poro entupido e a oleosidade não consegue sair.

Quais são os fatores de risco para o desenvolvimento de acne?

Mitos sobre o que contribui para a acne são bastante comuns. Muitas pessoas acreditam que alimentos como chocolate ou batatas fritas contribuirão para a acne. Embora não haja embasamento científico para essas alegações, existem certos fatores de risco para o desenvolvimento de acne. Esses incluem:

  • Alterações hormonais causadas pela puberdade ou gravidez
  • Certos medicamentos, como pílulas anticoncepcionais ou corticosteroides
  • Dieta rica em açúcares refinados ou carboidratos, como pão e batatas fritas
  • Ter pais que tiveram acne

As pessoas correm maior risco de desenvolver acne durante a puberdade. Durante esse período, seu corpo sofre alterações hormonais. Essas alterações podem desencadear a produção de óleo, levando a um aumento do risco de acne. A acne hormonal relacionada à puberdade geralmente desaparece, ou pelo menos melhora quando você atinge a idade adulta.

Como a acne é diagnosticada?

Se você apresentar sintomas de acne, procure orientação médica. Um dermatologista é capaz de identificar o tipo de lesão e o melhor tratamento para ela.

Tratamento da acne

Cuidados em casa

Existem algumas práticas de autocuidado que você pode tentar em casa para evitar espinhas e melhorar o quadro de acne. Os remédios caseiros para espinha incluem:

  • Limpar a pele diariamente com sabão neutro para remover o excesso de oleosidade e sujeira;
  • Lavar o cabelo regularmente e mantê-lo afastado do rosto;
  • Usar maquiagem à base de água ou rotulada como “não-comedogênica” (sem obstrução dos poros);
  • Não espremer espinhas, isso espalha bactérias e excesso de oleosidade;
  • Não usar chapéus ou bandanas apertadas;
  • Não tocar o rosto.

Saiba como evitar colocar a mão no rosto na matéria: "Como evitar colocar a mão no rosto".

Medicamento

Se os cuidados acima não melhorarem a acne, você pode utilizar remédios para acne que são vendidos sem a necessidade de receita médica. Estes incluem:

  • Peróxido de benzoíla: está presente em muitos cremes e géis para acne. É usado para secar espinhas existentes e prevenir novas. Ele também mata bactérias causadoras de acne;
  • Enxofre: é um ingrediente natural extraído de rochas, com um cheiro desagradável de ovo, encontrado em algumas loções, produtos de limpeza e máscaras;
  • Resorcinol: é um ingrediente menos comum usado para remover células mortas da pele;
  • Ácido salicílico: é frequentemente usado em sabonetes para acne. Ajuda a impedir que os poros fiquem entupidos.

Às vezes, você pode continuar tendo sintomas. Se isso acontecer, procure orientação médica. O profissional poderá indicar:

  • Antibióticos orais ou tópicos, que reduzem a inflamação e matam as bactérias que causam espinhas. Normalmente, os antibióticos são usados ​​apenas por um curto período de tempo, para que o corpo não desenvolva resistência e o deixe propenso a infecções;
  • Cremes tópicos, como ácido retinoico ou peróxido de benzoíla, geralmente são mais fortes do que tratamentos sem receita médica.

Mulheres com acne hormonal podem ser tratadas com pílulas anticoncepcionais ou espironolactona. Esses medicamentos regulam hormônios que podem causar acne por meio de uma diminuição na produção de oleosidade.

A isotretinoína é um medicamento à base de vitamina A usado no tratamento de certos casos de acne nodular grave. Pode causar efeitos colaterais graves e é usado apenas quando outros tratamentos não funcionam.

O médico ou médica pode recomendar procedimentos para tratar a acne grave e evitar cicatrizes. Esses procedimentos funcionam removendo a pele danificada e reduzindo a produção de oleosidade. Estes podem incluir terapia fotodinâmica, dermoabrasão, microdermoabrasão, injeções de cortisona, entre outros.

Qual é a perspectiva de alguém com acne?

O tratamento para acne geralmente é bem sucedido. A maioria das pessoas pode esperar que a acne comece a desaparecer dentro de seis a oito semanas. No entanto, crises são comuns e podem exigir tratamento adicional ou a longo prazo. A isotretinoína é o tratamento com maior probabilidade de fornecer resultados positivos permanentes ou a longo prazo.

As cicatrizes da acne podem causar sofrimento emocional. Mas, o tratamento imediato pode ajudar a evitá-las. Além disso, existe tratamento para cicatrizes.

Como prevenir a acne

É difícil prevenir a acne. Mas você pode tomar medidas em casa para ajudar a prevenir a acne após o tratamento, como:

  • Lavar o rosto duas vezes por dia com um limpador sem óleo;
  • Usar um creme para acne anti-oleosidade;
  • Evitar maquiagem que contenha óleo;
  • Remover a maquiagem e limpar a pele completamente antes de dormir;
  • Tomar banho após praticar exercício físico;
  • Evitar usar roupas apertadas;
  • Ter uma dieta saudável com o mínimo de açúcar refinado
  • Evitar o estresse


Veja também:

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail

Utilizamos cookies para oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar pelo site você concorda com o uso dos mesmos. Saiba mais ×