Helicobacter Pylori: seis opções de tratamento natural

eCycle

Bactéria H. Pylori é responsável por 80% das úlceras gástricas e 90% das úlceras duodenais

h. pylori
Imagem editada e redimensionada de Monika Grabkowska, está disponível no Unsplash

A Helicobacter pylori (H. pylori) é uma espécie de bactéria capaz de sobreviver no ambiente ácido do estômago humano, onde se desenvolve e pode causar infecções. Ela é a principal causa de 80% dos casos de úlceras gástricas e 90% das úlceras duodenais. A infecção pela H. pylori é muito comum e há indícios de que sua transmissão pode se dar pela saliva ou através do consumo de água e alimentos que tiveram contato com fezes contaminadas.

A boa notícia é que, na maior parte dos casos, a bactéria H. pylori não chega a causar problemas. Quando eles ocorrem, os principais sintomas são:

  • Dor ardente no abdômen
  • Inchaço
  • Náusea
  • Perda de apetite
  • Arroto frequente
  • Perda de peso inexplicada

Nos casos em que a H. pylori gera sintomas, o tratamento geralmente se dá com remédios para o estômago e antibióticos. O uso desses tratamentos convencionais pode ser difícil para algumas pessoas, já que às vezes acarreta efeitos colaterais negativos, como dor de estômago, náusea, diarreia e perda de apetite.

Além disso, algumas bactérias são resistentes aos antibióticos, o que complica o tratamento tradicional. Por isso, algumas pessoas acabam buscando opções de tratamento natural para a H. Pylori.

Mas, antes de pensar em abandonar o tratamento< convencional, tenha em mente que os estudos in vivo e in vitro sobre o tratamento natural para H. Pylori mostraram que esses métodos são capazes apenas de reduzir as populações de bactérias, mas não erradicá-las completamente.

h. pylori
Imagem editada e redimensionada de Patho, está disponível no Wikimedia

Dessa forma, procure utilizar as opções naturais que indicaremos a seguir como tratamento complementar ao convencional e busque ajuda médica para melhor embasar as decisões relativas à sua saúde.

Opções de tratamento natural para a H. Pylori

Probióticos

Os probióticos ajudam a manter o equilíbrio entre as bactérias intestinais boas e ruins. De acordo com um estudo, tomar probióticos antes ou depois do tratamento padrão para H. pylori pode melhorar as taxas de erradicação da bactéria. A desvantagem dos antibióticos é que eles também matam a bactérias boas do estômago. É aí que estão os benefícios de consumir probióticos, pois eles ajudam a repor essas boas bactérias.

Eles também ajudam a reduzir o risco de crescimento excessivo de leveduras. Um alimento famoso por ser probiótico é o chucrute (entenda mais sobre ele e como fazer na matéria: "Chucrute: benefícios e como fazer"). Pesquisadores encontraram evidências que sugerem que a bactéria Lactobacillus acidophilus oferece os melhores resultados para o tratamento de H. Pylori. Você também pode encontrar lactobacilos em cápsulas vendidas em farmácias e lojas virtuais. Para saber mais sobre os probióticos e onde encontrá-los, dê uma olhada na matéria: "O que são alimentos probióticos" e no vídeo:

Chá verde

Um estudo em camundongos mostrou que o chá verde pode ajudar a matar e a retardar o crescimento de bactérias Helicobacter. O estudo descobriu que consumir chá verde antes do desenvolvimento da infecção evita a inflamação do estômago e que tomar o chá durante a infecção reduz a gravidade da gastrite. Saiba mais sobre essa bebida na matéria: "Chá verde: benefícios e para que serve".

Azeite

O azeite também é um tratamento natural para a Helicobacter Pylori. Um estudo mostrou que ele tem propriedades antibacterianas contra oito cepas de H. pylori, sendo três dessas cepas resistentes a antibióticos. Ele também ajuda a manter o equilíbrio do ácido gástrico. Saiba mais sobre ele na matéria: "Azeite de oliva: benefícios dos diferentes tipos".

Raiz de alcaçuz

A raiz de alcaçuz é um remédio natural comum para úlceras de estômago e também ajuda a combater o H. pylori. De acordo com um estudo, a raiz não mata diretamente as bactérias, mas ajuda a evitar que elas grudem nas paredes das nossas células.

Brotos de brócolis

Um composto presente nos brotos de brócolis chamado sulforafano pode ser usado no tratamento natural contra o H. pylori. Pesquisas em ratos e humanos sugerem que a substância reduz a inflamação gástrica, a colonização bacteriana e seus efeitos. Um estudo realizado em pessoas com diabetes tipo 2 que estavam com H. pylori mostrou que o pó de brócolis combate a bactéria e melhora os fatores de risco de doenças cardiovasculares.

Fototerapia

Estudos mostram que o H. pylori é vulnerável à luz. No tratamento com a fototerapia é utilizada luz ultravioleta dentro do estômago. Essa é uma alternativa quando os antibióticos não funcionam, apesar de não poder ser feita em casa.


Adaptado de Healthline, PubMed e Mayo Clinic

Veja também:

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail

Utilizamos cookies para oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar pelo site você concorda com o uso dos mesmos. Saiba mais ×