Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

A bacia hidrográfica de um rio ajuda a abastecê-lo e a manter seu nível de água; conheça os principais exemplos de bacias brasileiras

As Bacias hidrográficas compõem uma grande parte do território nacional, sendo de grande importância para a economia e ecossistemas brasileiros. No Brasil, está situada a maior bacia hidrográfica do mundo, sendo a Bacia Amazônica, responsável por banhar territórios desde os Andes até sua foz no Oceano Atlântico.

O que são bacias hidrográficas e como se formam?

Bacias hidrográficas são áreas delimitadas por divisores de águas (que normalmente são os relevos), que as diferenciam de outras bacias. Uma bacia hidrográfica serve de captação natural de águas por meio das superfícies com declividade, que levam a água da chuva do ponto mais alto para o ponto mais baixo. 

Por intermédio de uma rede de drenagem, composta por diversos cursos d’água, os escoamentos da bacia hidrográfica vão se divergir a um único ponto de saída. Dessa maneira, a bacia hidrográfica é resultado da interação entre a água e os recursos naturais existentes, como vegetação, relevo e clima.

As bacias hidrográficas são caracterizadas por vários elementos, que vão compor sua estrutura. A nascente é o ponto inicial de uma bacia hidrográfica, que fica no ponto mais elevado do relevo, e é onde se localiza a principal nascente do rio. 

O rio principal é o nome dado ao rio que apresenta o maior volume e extensão de águas dentre os rios da bacia, sendo o receptor dos rios afluentes (que abastecem o principal). 

Os afluentes são os rios que vão ter como ponto final o rio principal, abastecendo-o.

Já a foz é o último ponto da bacia, onde as águas vão ao encontro com as do oceano, ou deságuam em uma bacia de maior porte.

As topografias da região (morros, montanhas e serras) são os divisores de água, que  delimitam as áreas das bacias.

As bacias hidrográficas podem ser hierarquizadas de acordo com seu porte, se separando entre bacias e sub-bacias. Cada bacia irá se interligar com outra de ordem hierárquica superior, fazendo dela uma sub–bacia. Com isso, esses termos são relativos, e dependem da relação e análise em uma malha hídrica.

Diferentes tipos de bacias hidrográficas

As bacias hidrográficas também podem ser categorizadas de acordo com seu destino, ou seja, onde deságuam.

  • Bacias hidrográficas exorreicas

 As bacias hidrográficas exorreicas são aquelas que escoam diretamente para o mar. 

  • Bacias hidrográficas endorreicas

As bacias hidrográficas endorreicas são aquelas cujas águas vão ao encontro de lagos, lagoas ou mar fechado.

  • Bacias hidrográficas arreicas

As bacias hidrográficas arreicas são aquelas cujo escoamento superficial não tem um ponto final, podendo evaporar ou infiltrar totalmente no solo. 

  • Bacias hidrográficas criptorreicas

As bacias hidrográficas criptorreicas são aquelas cujas águas escoam para o interior do planeta, compondo os lagos subterrâneos, cavernas e grutas.

Importância das bacias hidrográficas

A importância das bacias hidrográficas se dá conforme a inserção de do seu rio principal e seus afluentes. Suas principais funcionalidades são o abastecimento de água para diferentes setores da sociedade, como agropecuária, indústria e para consumo de seres vivos. As bacias hidrográficas também são importantes para o transporte hidroviário, podendo carregar grandes quantidades de cargas e pessoas. Além disso, no Brasil,  as bacias hidrográficas são responsáveis por uma grande quantidade de toda a energia elétrica produzida (energia hidrelétrica).

No Brasil, as bacias hidrográficas são monitoradas principalmente pela Agência Nacional de Águas (ANA), que é responsável pelo monitoramento e gestão dos recursos hídricos brasileiros. A Divisão Hidrográfica Nacional, feita pelo Conselho Nacional de Recursos Hídricos (CNRH), aponta doze regiões hidrográficas no Brasil, que são compostas por bacias, grupo de bacias ou sub-bacias hidrográficas próximas, com características gerais bem próximas. Alguns exemplos são a bacia do Atlântico Sul e do Atlântico Sudeste.

Quais são as principais bacias hidrográficas do mundo?

  • Bacia Amazônica

A Bacia Amazônica é uma das principais bacias hidrográficas existentes no planeta. Ela  tem como rio principal o rio Amazonas, que é o rio com maior extensão e volume d’água do mundo. Esse rio fica situado na região da Floresta Amazônica, e abastece a grande biodiversidade ali existente. Outra bacia importante na América do Sul é a bacia do Paraná, que apresenta um grande potencial hidrelétrico, abastecendo a maior usina hidrelétrica da América do Sul, a usina de Itaipu. 

  • Bacia do Paraíba do Sul

Ainda em território brasileiro, há a Bacia do Paraíba do Sul, que tem sua nascente no estado de São Paulo, passando por Minas Gerais e Rio de Janeiro, onde tem uma grande importância de abastecimento urbano para irrigação e geração de energia. Outras bacias importantes são a de Tocantins-Araguaia e do Rio São Francisco localizadas no norte, nordeste, centro-oeste e sudeste do país

  • Bacia de Mackenzie e São Lourenço

Já na América do Norte, a Bacia de Mackenzie e São Lourenço tem uma grande importância histórica, visto que banham os grandes lagos norte-americanos e os ligam com o Oceano Atlântico, região onde se iniciou com grande intensidade a industrialização dos Estados Unidos.

  • Bacia do rio Nilo

Na África, podemos citar a bacia do rio Nilo, onde foi desenvolvida a sociedade egípcia. Os egípcios utilizam essa bacia desde a antiguidade para o abastecimento de água para as cidades, agricultura e criação de animais.

  • Bacia do Reno-Ruhr

Na Europa, a bacia do Reno-Ruhr tem uma grande importância, pois está situada em uma região industrial da Alemanha, além de ter sua foz no porto de Roterdã (Holanda), o principal porto da Europa.

  • Bacia do rio Jordão, Amarelo e Azul

No continente asiático, há duas importantes bacias, a do rio Jordão – que é um território de conflito entre Israel e Jordânia para o controle de suas águas –  e as do rio Amarelo e Azul, que são muito exploradas para a agricultura.

  • Bacia Murray-Darling

Já na Oceania, a Bacia Murray-Darling é um importante recurso para o abastecimento hídrico da região agrícola do país.