Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Com patrocínio de Natura Musical, evento terá três dias de programação com transmissão em plataformas digitais

Acontece, entre os dias 24, 25 e 26 de setembro de 2021, a II Mostra Pankararu de Música, ação de intercâmbio cultural e imersão de autoconhecimento, sediada na Aldeia Indígena Bem Querer, localizada a 7 km de distância da cidade de Jatobá, no Sertão pernambucano. O evento, que tem patrocínio de Natura Musical, é uma iniciativa Pankararu, conduzida por Gean Ramos, músico e produtor cultural indígena, que nasce da urgência de proteção e valorização do patrimônio cultural material e imaterial dos povos originários.

Com o tema “Reflorestamento”, que abrange desde as espécies vegetais até às subjetividades do povo Pankararu, a mostra será realizada de maneira online este ano, e contará com programação, shows e atividades, transmitidas pelos canais digitais da Mostra. Durante os três dias de festival, a programação inclui a exibição de filmes com foco nas narrativas e existências dos/as detentores/as da ciência e do canto tradicional Pankararu, rodas de conversas, rituais pankararu, além de espetáculos musicais e de dança. Nomes nacionais como Ailton KrenakMateus Aleluia, Djuena Tikuna e Brisa Flow estão confirmados – veja a programação completa abaixo.

A Mostra Pankararu de Música nasceu com o intuito de promover ao público uma vivência plural a partir dos diálogos e convergências, da troca e da ecologia de saberes. “A Mostra é para falar de música mas não necessariamente do fazer música. Para nós o Canto, o Toante, o Toré ou a música, está intrínseca a todas as nossas ações, em todos os segmentos. No fim, o cantar é só uma celebração, porque todo processo que a gente vive tem música”, explica Gean Ramos.

“Como o tema que permeia a programação da mostra é o ‘reflorestamento’, a partir dele, evidenciaremos a necessidade de nos reflorestarmos enquanto humanidade. Reflorestar no sentido de quem somos, nossas experiências de vida, nosso cotidiano e maneira de ver e sentir o mundo. Diante dos desafios que estamos atravessando a nível mundial e coletivo, é hora, mais do que nunca, de nos reerguermos, de (re)acessarmos nossas raízes, o que nos compõe e nos traz até aqui. A fim de transformar essa experiência de estar e ser no mundo em uma experiência de transformação para um bem viver coletivo”, afirma Marília Nepomuceno, produtora executiva da Mostra.

Entre a programação alguns destaques são a roda de conversa “O Mundo que Enfrentamos Hoje”, que conta com a participação de Ailton Krenak e Elisa Urbano, além dos espetáculos FYKYA, de Leo Pankararu, e Dança do Buzzo, dança e celebração de tradição Pankararu.

Sobre a Mostra Pankararu de Música

A Mostra Pankararu de Música nasceu diante de necessidades identificadas no setor cultural e se propõe a atuar em diferentes frentes da economia criativa. Criada dentro de uma lacuna de produção e programação cultural nas zonas rurais e no interior do estado de Pernambuco, o evento abrange três municípios que integram o território da comunidade Pankararu: Jatobá, Tacaratu e Petrolândia. O festival é compreendido como uma iniciativa necessária à região, que é detentora de um patrimônio cultural importantíssimo para a cultura brasileira. O movimento de articulação gerado pelo evento consolida a mostra como impulsionadora dos agentes locais e do potencial de difusão da produção cultural e artística Pankararu e dos demais povos indígenas do Estado.

O projeto tem uma contribuição direta na conscientização da comunidade local e dos povos indígenas do Nordeste sobre a importância do patrimônio que representam e detém. A mostra oferece autonomia para que esses agentes (re)descubram e coloquem em prática as possibilidades de negócios e articulações a partir do potencial econômico-criativo que possuem. O festival movimenta a economia da região e do território Pankararu por meio dos artistas, artesãos, comerciantes e prestadores de serviço que se tornam direta e indiretamente envolvidos no projeto.

“Com essa iniciativa almejamos proporcionar a todes um momento em que possam conhecer um pouco mais da cultura do Povo Pankararu e dos demais povos e nações indígenas de Pernambuco. Povos cujo sangue se mistura e compõem parte dos pernambucanos, baianos, alagoanos, e brasileiros, mesmo aqueles que não se consideram indígenas”, nos explica Gean Ramos – idealizador e produtor geral da Mostra. Inicialmente pensada para acontecer no mês de maio, com a participação de 18 povos indígenas do estado de Pernambuco, teve que ser adiada devido ao aumento dos casos da Covid-19 na região. Gean ressalta que os povos indígenas estão imunizados com a duas doses da vacina e que o evento presencial (para filmagens dos shows) mesmo que neste novo formato seguirá todos os protocolos de segurança com distanciamento, uso de máscaras e higienização apropriada.

A II Mostra Pankararu de Música foi selecionada pela plataforma Natura Musical, através do Edital Natura Musical 2020, ao lado de nomes como Linn da Quebrada, Bia Ferreira, Juçara Marçal, Kunumi MC, Rico Dalasam. Ao longo dos 16 anos, a Natura Musical já ofereceu recursos para mais de 140 projetos no âmbito nacional, como Lia de Itamaracá, Mariana Aydar, Jards Macalé e Elza Soares.

“Os projetos selecionados por Natura Musical têm o potencial de gerar impacto positivo porque contribuem para que o ecossistema da economia criativa ao seu redor se desenvolva. Os artistas, bandas e projetos de fomento à cena são capazes de reverberar reflexões sociais importantes para o momento que atravessamos”, afirma Fernanda Paiva, Head of Global Cultural Branding.

Programação II Mostra Pankararu de Música

Sexta-feira, 24 de setembro de 2021

  • 20h – Exibição da primeira parte da web série “O Canto Pankararu”
  • 20h40 – Shows:
    • Cassia Monteiro Pankararu
    • Brisa Flow
    • Fykya Pankararu
  • 21h30 – Encerramento

Sábado, 25 de setembro de 2021:

  • 20h – Exibição da segunda e última parte da web série “O Canto Pankararu”
  • 20h40 – Shows:
    • Edinho Buzzo Pankararu
    • Djuena Tikuna
    • Mãe Dora
  • 21h30 – Encerramento

Domingo, 26 de setembro de 2021:

  • 20h – Abertura Fernando Atiã
    • Roda de conversa entre Elisa Urbano e Ailton Krenak
  • 20h40 – Shows
    • Mateus Aleluia e Gean Ramos

Assista a transmissão no YouTube