Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

O que é fast furniture e por que ela é considerada a nova fast fashion?

O termo fast furniture é relativamente desconhecido em comparação com outros da mesma categoria — fast fashion e fast-food. Contudo, a sua indústria está longe de desacelerar. O conceito de fast furniture, ou móveis rápidos, indica a produção em massa de móveis para comercialização imediata.

Embora em um nível supérfluo a fast furniture possa representar alguns pontos positivos como baixo custo, muitas opções e fácil acessibilidade, ela, na verdade, é mais negativa do que positiva. Como toda produção derivada do capitalismo, a fast furniture impulsiona o consumo exacerbado. A maioria das peças comercializadas dentro da indústria contém a vida útil de um a cinco anos, sendo praticamente descartáveis e contribuindo para o aumento de lixo no planeta. 

A indústria de móveis nem sempre foi assim. Suas peças eram mais caras, porém, de maior durabilidade e de aspecto atemporal. 

De acordo com uma professora da Escola de Arte e Design Urbana-Champaign da Universidade de Illinois, a fast furniture pode ser comparada ao fast-food por “satisfazer uma necessidade imediata, mas sem uma nutrição sustentável”.

 Assim como a moda, a indústria de móveis entrou em um golpe capitalista, as “tendências”. Móveis da moda são super produzidos em materiais de baixa qualidade, resultando no seu baixo custo e, consequentemente, na sua compra pelo público. 

Contudo, como todas as indústrias do modo “fast”, a fast furniture é uma grande contribuinte para a degradação do planeta. 

Impactos negativos

Além de serem confeccionadas com materiais baratos, as peças da fast furniture também podem ser extremamente difíceis de serem consertadas depois de algum dano. Isso cria um ciclo de consumo, onde os itens têm vida curta, são substituíveis e não reutilizáveis. 

Nos Estados Unidos, um dos países conhecidos por seu consumo exacerbado, cerca de 12 milhões de toneladas de móveis são jogados fora todos os anos. Esse aumento de volume nos aterros sanitários apenas contribui para os iminentes problemas do planeta terra. O impacto físico dos aterros sanitários deriva da produção de uma quantidade significativa de chorume e biogás, rico em metano.

O principal efeito negativo do metano para o meio ambiente é a sua contribuição para o desequilíbrio do efeito estufa, colaborando para o aquecimento global.

Porém, a maior parte dos impactos negativos da fast furniture derivam do seu processo de produção. 

A produção da madeira, um dos principais materiais utilizados na produção de móveis, contribui para o desmatamento incessante de áreas verdes, que consequentemente é responsável pela liberação de CO2 na atmosfera. 

Além disso, a própria saúde humana pode ser ameaçada pela fast furniture. Um relatório da World Wildlife Fund (WWF) publicado em 2022 destaca a dependência da saúde humana às florestas. De acordo com as informações divulgadas pela organização, o desmatamento e a degradação desses ecossistemas apresentam riscos inimagináveis para a saúde mundial.

Além da inevitável falta de recursos essenciais para a vida humana, a degradação florestal traz riscos graves para a população. De acordo com o relatório, as florestas têm um papel fundamental na saúde humana, providenciando apoio para evitar condições como câncer, diabetes, transtornos mentais e até mesmo uma nova pandemia. 

Por outro lado, a produção de móveis da fast furniture também contribui para  a poluição química. Substâncias como o formaldeído são usados na fabricação de itens, que podem contaminar a água e o ar. 

Aspecto social

Embora móveis sustentáveis, ou feitos de materiais sustentáveis e biodegradáveis sem o uso de químicos existam, eles são comercializados para uma minoria. Por conta de sua raridade, esses móveis acabam sendo mais caros e menos acessíveis para a maioria da população. 

Como evitar 

Evitar a fast furniture pode ser difícil, principalmente considerando a questão anterior sobre o custeio de peças sustentáveis. Porém, não é impossível. 

Diminua seu consumo procurando itens mais duradouros, porém, se isso não for possível, tente tomar mais cuidado com a peça. Como já mencionado, itens da fast furniture são feitos com materiais baratos, contudo, ainda é possível estender sua vida útil tomando cuidado. 

Compre móveis usados. Brechós e lojas de antiguidade geralmente contém peças atemporais que podem ser adquiridas com menos. 

Não contribua com o aumento de lixo. Em vez de jogar seus móveis usados fora, considere doá-los para algum conhecido ou instituições de caridade.