População de animais marinhos caiu quase pela metade desde 1970, segundo estudo

eCycle

A atividade humana prejudicou fortemente o oceano

Imagem: Wikimedia Commons

A população de mamíferos, pássaros, peixes e répteis marinhos caiu quase pela metade (49%) desde 1970, de acordo com um relatório da WWF  e da Zoological Society of London.

O estudo afirma que algumas espécies que as pessoas costumam comer, como atum e cavala, estão diminuindo ainda mais - a queda na população dessas espécies foi de 74%.

Os autores do estudo citam pesca excessiva e a mudança climática como algumas das principais razões.

"A atividade humana prejudicou gravemente o oceano ao pescar espécies mais rapidamente do que elas se reproduzem e também destruindo seu habitats", diz Marco Lambertini, diretor da WWF International.

Os pesquisadores também apontam para uma grande redução na população de pepinos-do-mar, uma comida bastante apreciada na Ásia. Em Galápagos, a queda foi de 98% e, no Mar Vermelho, de 94%, no últimos anos.

O estudo destaca o desaparecimento de habitats como prados marinhos e manguezais, importantes para a alimentação e como "berçário" de muitas espécies.

O relatório afirma que dióxido de carbono está sendo absorvido pelos oceanos, fazendo com que fiquem mais ácidos, prejudicando diversas espécies.

Os autores analisaram mais de 1,2 mil espécies de criaturas marinhas nos últimos 45 anos.

Fontes: BBC e WWF

Veja também:
-Plástico nos mares causa asfixia em tubarões e prejudica outros animais marinhos
-Um oceano de sacolinhas


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail