Protótipo transforma água do mar em água potável com energia solar

eCycle

O equipamento, desenhado pelo designer Gabriele Diamanti, produz até 5 litros de água de qualidade por dia

Com a escassez de água em vários países do mundo, a preocupação para que haja acesso à água de boa qualidade faz surgirem novas idéias como o Eliodoméstico. Este protótipo, desenhado pelo designer italiano Gabriele Diamanti, traz uma proposta de transformar água salgada em água potável apenas com o uso da energia solar.

O projeto funciona como se fosse uma cafeteira invertida. É depositada no equipamento a água (não potável, do mar) e durante o dia os raios solares aumentam a pressão interna fazendo com que a água evapore em um dos compartimentos internos. O vapor é forçado a um compartimento abaixo, onde ocorre a condensação da água. O equipamento tem capacidade de produzir até 5 litros de água potável por dia.

O Eliodomestico é uma ótima proposta para os países com poucos recursos hídricos. O aparelho se torna viável para a economia local e não agride o meio ambiente, além de ser produzido com matérias-primas facilmente disponíveis e ter fácil manuseio e manutenção.

O projeto está concorrendo como finalista no Prix Emile Hermes, um evento que reúne jovens designers. O intuito do festival é possibilitar aos postulantes a realização de projetos que se tornem eficazes para a sociedade. O tema para a segunda edição do evento foi "Chauffer, se Chauffer, Réchauffer" (“Calor, Calor, Calor”, em tradução livre do francês).

Você pode conferir mais informações sobre o Eliodomestico clicando aqui e curtir a seguir o vídeo sobre como funciona o equipamento.


Fonte: arteboxflower.blogspot.com


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail