Fabricantes montam estratégias para consolidar mercado de carros elétricos

eCycle

Novidades crescem no setor, que está em expansão. Preços baixos, novos modelos, aluguel e pontos de recarga são trunfos

Após lançamentos frustrados nos anos 90, o aumento do debate acerca dos problemas ambientais forçou os fabricantes de veículos a pensarem novamente nos automóveis elétricos. Muitos modelos já estão em atividade e outros estão prestes a serem lançados. Além disso, há uma série de estratégias para a consolidação do carro elétrico no mercado. Confira as principais novidades das marcas e de setores relacionados:

Coda
A fabricante de veículos com base na Califónia planeja levar o seu modelo elétrico (foto acima) para todas as regiões dos Estados Unidos até o próximo ano.  A estratégia deve se valer de uma rede de revendedores que espalhem o produto pelo país.

Daimler
A Daimler aposta nos preços baixos para atrair o consumidor para os veículos elétricos. A companhia, famosa pela fabricação do Smart, procura lançar no mercado o mais barato carro elétrico. As primeiras entregas do novo E-Smart (foto abaixo) já foram realizadas. O modelo tem autonomia de 145 km por carga, bem mais do que a maioria dos carros elétricos usados hoje na Europa. O preço é de 18,9 mil ou US$ 24,6 mil.

Toyota
A versão elétrica do Toyota Rav4 poderá ser alugada pelo preço de US$ 599 por mês nos EUA. O preço é atrativo se comparado à quantia necessária para a compra do veículo.

BMW
O BMW Concept Active Tourer, um híbrido, deve ser o primeiro carro da montadora com tração dianteira. O modelo utiliza um gerador a gasolina de 1,5 litros e três cilindros para carregar um pacote de baterias de lítio com uma autonomia de até 32 km. Depois disso, o motor a gasolina entra em ação. O veiculo deve fazer a arrancada de 0 a 100 km/h em 8 segundos, melhor do que a maioria dos híbridos disponíveis no mercado.  A marca também lançou recentemente um novo site para divulgar sua marca de veículos híbridos e elétricos, batizada de "i" (clique aqui e acesse).

Porsche
A versão híbrida do Porsche 918 Spyder teve seu design revelado na internet. O modelo deve ter 800 cavalos de potência.

Nissan
O clima quente pode estar prejudicando as baterias do modelo Leaf da Nissan. É o que testes independentes feitos por proprietários têm apontado. Ainda não é possível ter certeza, mas tudo indica que o calor no estado Americano do Arizona esteja diminuindo a vida útil das baterias muito mais rápido do que o que alega a Nissan.

Mercedes
O Mercedes Classe B Electric Drive possui autonomia de 200 quilômetros, motor de 134 cavalos de potência e pode ser recarregado em apenas uma hora, em 230 ou 400 volts. A autonomia perde, entretanto, para os 257 quilômetros do Tesla Model S Sedan.

Smith
Segundo seus executivos, a Smith Electric Vehicles desistiu de seu interesse declarado em um IPO (Inicial Public Offering, a oferta pública inicial de ações de uma empresa na bolsa de valores de um determinado país), mesmo com um valor atrativo para a companhia e os acionistas. Em vez disso, a empresa decidiu procurar oportunidades de financiamento privado para apoiar a realização de seus planos de negócios.

ChargePoint
A ChargePoint, fabricantes de pontos de recarga para veículos elétricos, está disponibilizando o equipamento gratuitamente para qualquer empresa que pretenda instalar estações de recarga para funcionários e visitantes. Além da gratuidade do equipamento, é oferecido um desconto pela instalação.

Lista
Na lista dos 10 melhores carros híbridos feita no site Gas2, curiosamente, nem todos os híbridos se mostraram como opções mais econômicas. 11 dos 25 veículos testados resultam em economia no longo prazo.

Veja também:
-Soluções e problemas do carro elétrico
-Carro elétrico pode ser carregado em 8 horas e rodar até 160 quilômetros


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail