As melhores plantas para cada cômodo da casa

Conheça quais são as plantas mais apropriadas para cada tipo de cômodo da sua casa ou apartamento

Cozinha

Se você decidiu criar plantas em sua casa, há, ao menos, duas opções: comprar alguns itens verdes no mercado ou na floricultura e dispô-los aleatoriamente na sua casa; ou, em vez disso, dar uma olhada nas dicas abaixo e extrair o máximo de benefícios que as plantas podem te oferecer. Vamos lá:

No seu quarto: jasmim

O perfume do jasmim promove um sono calmo e profundo e ajuda naquela ansiedade que às vezes te deixa acordado à noite, de acordo com um estudo da Wheelig Jesuit University, nos Estados Unidos. Pessoas expostas ao aroma do jasmim durante a noite se mexem menos e têm uma noite de sono de melhor qualidade. E um bônus: o aroma é uma delícia.

Cuidados com a sua plantinha: o jasmim é melhor cultivado em ambientes úmidos e frescos. Se você mora em um local com clima seco, um umidificador de ar pode ajudar a sua planta.

Na sua sala de estar: jiboia

Calma, não queremos colocar nenhuma cobra na sua sala! É só o nome popular da planta Epipremnum aureum.

A jiboia pode ter até três metros de comprimento e é uma das plantas mais fáceis de se cultivar. Ela não precisa de muita luz e a rega pode ser esparsa (ou seja, ela permite umas escorregadas nas suas responsabilidades paternas com a sua plantinha). Esteticamente, é recomendado pendurar a jiboia no teto, próximo à janela, para acentuar a percepção da altura da sala.

Cuidados com a sua plantinha: verifique o solo uma vez por semana para garantir que esteja úmido; se lhe parecer seco, regue-o.

No seu banheiro: imbé (ou banana-de-macaco)

Algumas velas perfumadas têm pavios de chumbo, podendo provocar dores de cabeça, por isso, a utilização delas não é tão recomendada. E em vez de fazer uso de aromatizadores de ambiente, você pode colocar um imbé no seu banheiro - é uma planta neutralizadora de odores (como essas plantas que purificam o ar), que remove as toxinas e adiciona oxigênio ao ar. Os imbés podem ser cultivados em áreas úmidas com luz indireta: basicamente, o banheiro é o lugar feliz deles.

Cuidados com a sua plantinha: regue o imbé uma vez por semana e deixe o solo secar entre as regas. Se as folhas da sua planta começarem a cair, isso significa que não estão sendo regadas o suficiente ou estão recebendo água demais. Verifique o solo e ajuste a rega conforme necessário.

Um alerta: tome cuidado com os imbés, pois são altamente tóxicos, sendo irritativos para as mucosas. Caso ingerido, pode trazer riscos graves à saúde. Portanto, se você tem crianças em casa, não é recomendado cultivar esta planta.

No seu escritório: lírios-da-paz

Os lírios-da-paz são flores lindas e que não requerem muito cuidado ou atenção, cultivadas da melhor forma sob luz solar indireta. Por isso, são um ótimo complemento para enfeitar sua escrivaninha ou mesa de trabalho.

Cuidados com a sua plantinha: regue sua planta uma vez por semana. Caso surjam folhas amareladas, talvez a planta esteja recebendo muita luz solar.

Um alerta: assim como os imbés, a maior parte dos lírios é tóxica se ingerida, podendo ser uma planta perigosa para animais de estimação e crianças pequenas. Neste caso, você pode trocar por orquídeas, que requerem cuidados semelhantes e são tão belas quanto os lírios.

Na sua varanda: plantas do gênero Aloe

Essas plantas são imprescindíveis no kit de primeiros socorros do seu jardim. Você pode retirar algumas folhas e usar a babosa da planta para queimaduras, cortes e arranhões. São ótimas em marquises ou varandas, pois precisam de luz solar direta.

Cuidados com a sua plantinha: verifique o solo uma vez por semana; se estiver seco dois centímetros abaixo da superfície, é preciso regá-lo.


Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail