Paul Villinski transforma lixo em símbolos de liberdade

Por meio da reciclagem, artista visual transforma lixo em arte

Obra de arte

No campo das artes visuais, há muito tempo é comum utilizar um objeto do cotidiano de forma inusitada. No dias de hoje, a tendência segue e obras de arte com lixo ainda estão muito presentes, o que é um ponto muito positivo, pois alguns itens poderiam acabar no lixo e se transformam em obras de arte. O artista estadunidense Paul Villinski faz uso desse tipo de técnica em trabalhos muito bem acabados e metafóricos.

Villinski tem como base sua história, juntando informações pessoais de sua infância e referências da sociedade contemporânea. Por exemplo, ele misturou aviões (por ser filho de um piloto da força aérea dos EUA) com latas vazias (que é uma tendência consciente) para a execução de alguns de seus trabalhos, utilizando a técnica de upcycle - troca de função de um objeto que já não tinha mais valor para o seu propósito inicial.

Além da junção de aspectos individuais e sociais, Villinski se baseia na ideia de liberdade, representada por asas feitas com luvas velhas, borboletas produzidas a partir de latas de alumínio e alguns outros tipos de materiais reciclados. Ele ainda considera seu processo criativo uma forma de meditação.

Villinski também faz parte de um projeto paralelo, em parceria com Dr. Rudolph Mattoni. Trata-se do estudo e criação de borboletas em um ambiente artificial, uma espécie de estufa, com plantas naturais, sistema de irrigação e luz artificial.

Para conhecer mais sobre o trabalho do artista, acesse seu site oficial.

Confira a reprodução de algumas obras abaixo:

Confira o vídeo que mostra um pouco do trabalho de Paul Villinski.


Fonte: Paul Vilinski


Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail